Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FRAUDES NAS EMPRESAS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 26/04 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

07/12/2011 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Mulher é vítima de golpe em porta de agência bancária no interior do Ceará

Por: Diana Vasconcelos

Mulher de 55 anos teve R$ 2.768,00 roubados na tarde de terça-feira (6). Vítima acreditava que seria recompensada por ter achado carteira.

Comente agoraUma mulher de 55 anos teve R$ 2.768,00 roubados na tarde de terça-feira (6) em Limoeiro do Norte, a 196 km de Fortaleza, segundo informações da Polícia Civil. De acordo com o inspetor Maia Júnior, a mulher foi vítima do “Golpe do Baludo”, em que o golpista faz a vítima acreditar que será recompensada por ter achado um documento ou carteira, mas acaba sendo roubada. “Isso tem acontecido com frequência aqui e em outras cidades [ do interior do Ceará]”, afirma.

Segundo o inspetor, a mulher saía da agência após sacar a quantia em dinheiro, quando viu um homem deixar cair uma carteira. A vítima chamou a atenção do suspeito para devolver a carteira. O homem disse querer recompensar a mulher comprando um par de sapatos.

O inspetor explica que, neste momento, o suspeito abriu a carteira e mostrou um grande volume em dinheiro. Ele entregou a carteira para a vítima e disse para ela ir até uma sapataria indicada por ele para comprar o sapato. E, como forma de garantia, pediu para ficar com a bolsa da vítima. “Eu não sei o que acontece, mas as pessoas aceitam e acabam entregando objetos pessoais”, ressalta o inspetor.

De acordo com a polícia, sem encontrar a sapataria, a mulher retornou ao local onde havia feito a troca. Somente então percebeu que havia sido roubada.

Golpe

Segundo Maia Júnior, os golpistas agem em grupo de, pelo menos, quatro pessoas. Um fica na agência observando os correntistas para encontrar a vítima mais adequada para o golpe. Outro faz a atuação fora do banco. Um terceiro fica como reforço fora da agência e o quarto espera em um carro. “E eles mudam as posições sempre, para dificultar a identificação. Sabemos de, pelo menos, oito suspeitos agindo na cidade”, disse o inspetor.

Outros casos

Em novembro deste ano, uma senhora de 79 anos foi vítima de um golpe semelhante em Aracati, a 140 km de Fortaleza. De acordo com os policiais, um homem se aproximou da mulher, que estava sozinha, dizendo conhecê-la e oferecendo ajuda. Depois de aceitar a ajuda do suspeito, a idosa percebeu que teve a bolsa com o dinheiro trocada por outra. A polícia não tem pistas do suspeito que saiu do local do golpe em um carro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 244 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal