Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

01/12/2011 - Económico Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Como evitar o roubo e a perda de cartões bancários

Na época do Natal, o roubo de cartões de crédito e débito aumenta, alerta a CPP. Saiba como evitar ser ‘apanhado’.

"De uma forma recorrente, o Natal é a altura do ano em que há mais problemas relacionados com perda de carteiras com 6,45% das ocorrências, logo suplantados pelos valores também bastante elevados atingidos no Verão. No total, estas duas alturas atingem 13,4% dos casos", afirma Pedro Osório de Castro, Country Manager da CPP Portugal, sublinhando que a época natalícia é caracterizada por uma "grande azáfama, em que as pessoas fazem um maior volume de transacções e andam um pouco mais distraídas nas compras".

Segundo a CPP, empresa britânica que oferece seguros de protecção de cartões a mais de um milhão de famílias na Península Ibérica, é no terceiro trimestre que se regista uma maior perda e roubo de carteiras, com 32% das ocorrências, seguindo-se os últimos três meses do ano.

Os indivíduos do sexo feminino (57,5%) são aos mais afectados por estes problemas, sendo os locais mais comuns para perda ou roubo de carteiras os transportes públicos, a rua e os locais de trabalho ou de estudo, acrescenta.

Eis algumas dicas da CPP para evitar o roubo e perda de cartões

- Memorizar os códigos secretos dos cartões. Se houver necessidade de apontar os números, nunca o fazer no cartão nem em papéis que estejam junto dos mesmos. Nunca divulgar os códigos dos cartões a ninguém;

- Conferir com detalhe os movimentos registados no extracto de conta, certificando-se que correspondem ao consumo efectuado. Se o extracto da conta mensal não for recebido na data que é habitual, contactar a instituição financeira, pois pode ser indicação que alguém desviou a correspondência e tem agora acesso a dados pessoais;

- Quando se utilizam os cartões, nunca desviar a atenção dos mesmos e exigir sempre que a operação seja realizada à vista;

- Destruir os cartões que estão a expirar quando estes forem substituídos por novos;

- Assinar sempre todos os cartões de crédito e débito;

- Se ao abrir a carteira, todos os cartões ficarem visíveis, mantê-los sempre na mesma ordem. Desta forma é mais fácil detectar a falta de algum/uns deles;

- Manter a carteira/ bolsa sempre junto do corpo enquanto se efectuam compras;

- Nunca deixar os cartões soltos na mala ou bolso;

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 113 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal