Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FRAUDES NAS EMPRESAS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 26/04 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

14/07/2004 - Agência Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Disque-Denúncia da Previdência entra em vigor

Por: Caio d'Arcanchy


Brasília - Começa a funcionar hoje o Disque-Denúncia da Previdência Social. O número é 0800 7070 477 e vai poder receber denúncias anônimas de corrupção ou irregularidades na Previdência. A idéia é estimular a população a contribuir mais efetivamente com o controle do dinheiro público, segundo o Ministério da Previdência Social. O novo serviço vai funcionar das 7h às 19h, de segunda a sábado.

O ministro Amir Lando, da Previdência, diz que hoje são recebidos mais de 1.500 telefonemas de denúncias. Com o novo serviço, a expectativa do ministério é que esse número aumente. "Possivelmente dobrando ou triplicando", acredita o ministro. "Somos gestores de um fundo do trabalhador e queremos que esses recursos sejam empregados sem desvios", completa.

Atualmente, a maioria das fraudes cometidas contra a Previdência são realizadas por terceiros, por despachantes. Também por benefícios mantidos irregularmente sem o conhecimento ou com a conivência de servidores. Para reverter isso uma das estratégias a serem adotadas é essa modernização do sistema de informática da Previdência. "Nós temos de criar um sistema que por si só feche e tranque as portas da corrupção", afirma Amir Lando.

O ministro garante que vai deixar a Previdência com um sistema de informática tão seguro quanto os utilizados pelos bancos e instituições financeiras. "Dessa forma certamente teremos diminuído muito as fraudes", diz. Amir Lando afirma ser inimaginável a quantia preservada com o sistema.

O Disque-Denúncia já poderá receber informações sobre operações ilegais realizadas por funcionários ou toda e qualquer suspeita de irregularidade. Segundo Amir Lando todas as informações coletadas serão encaminhadas diretamente para a Controladoria Geral da União (CGU), órgão responsável pela fiscalização dos recursos federais.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 152 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal