Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

11/10/2011 - Correio da Bahia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF irá investigar Ricardo Teixeira após denúncia de lavagem de dinheiro

Segundo a PF, o inquérito deve ser aberto até o final da semana.

A Polícia Federal irá instaurar um inquérito para investigar o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do comitê organizador da Copa de 2014, Ricardo Teixeira, por suspeita de remessa ilegal de dinheiro ao Brasil e lavagem de dinheiro. As informações são da Folha Online.

Segundo a PF, o inquérito deve ser aberto até o final da semana, depois de ter sido pedido no final de setembro pelo procurador do Ministério Público Federal do Rio de Janeiro, Marcelo Freire. A investigação das denúncias será feita pela Delegacia de Combate a Crimes Financeiros.

Depois das investiga~çoes, o inquérito é encaminhado novamente ao MPF, que decide se apresenta uma denúncia contra Teixeira à Justiça. O prazo para a conclusão deste inquérito é de 30 dias, podendo ser prorrogado. Teixeira pode ser chamado a depôr.

As denúncias foram divulgadas pela emissora britânica BBC, que informou que Teixeira e outros dois integrantes do comitê executivo da Fifa teria recebido propina da empresa ISL, ex-parceira de marketing da Fifa nos anos 1990, que faliu em 2001.

Segundo a BBC, a ISL fez 175 pagamentos secretos entre 1989 e 1999. O MPF quer que seja investigado se parte desse dinheiro entrou no Brasil ilegalmente através de empresas que têm sede em paraísos fiscais - Teixeira seria o responsável por estas empresas.

O presidente da CBF nega as acusações. Já a Fifa diz que uma investigação feita na Suíça em 2008 sobre a falência da ISL não encontrou nenhum sinal de participação de Teixeira ou outros membros da confederação no caso. os acusados de receber o suborno, além de Teixeira, são Nicolás Leoz, presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol, e Issa Hayatou, chefe da Confederação Africana de Futebol.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 149 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal