Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

06/10/2011 - D24am Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Águas do Amazonas registra 200 ocorrências diárias de desvio de água em Manaus

Por: Luana Carvalho

Além das fraudes, cabos de bombeamento de águas também são cortados e furtados para venda posterior. Problema prejudica o fornecimento em Manaus.

Manaus - Duzentas ocorrências de desvio de água são registradas diariamente pela Águas do Amazonas, responsável pelo abastecimento de água em Manaus. Somente na invasão Portelinha, no bairro São José 2, zona leste, o consumo de água por habitante chega a 750 litros por dia, quando o consumo recomendado é de 150 litros de água por pessoa. De acordo com a concessionário, o desperdício é gerado pela clandestinidade.

No mesmo local, a Águas do Amazonas, encontrou vários cabos conectados de forma irregular para abastecimento clandestino. A água era desviada das ruas 19 e 20 do São José 2 para as ruas adjacentes.

Além das fraudes, cabos de bombeamento de águas também são cortados e furtados. Esta semana, uma equipe da Águas do Amazonas fez um levantamento no Centro de Produção de Água Subterrânea, no Tancredo Neves, e constatou que o local foi invadido e danificado por ação de populares.

De acordo com o diretor de relações institucionais da Águas do Amazonas, Arlindo Sales Pinto, desde o ano passado está acontecendo o monitoramente deste consumo indevido de água. Para realizar este trabalho, a empresa contratou uma equipe de 250 pessoas para mapearem e buscarem residências que possuam irregularidades.

“Analisamos os suspeitos de acordo com as famílias que possuem um consumo muito baixo. Isso é uma das características da fraude”, explicou Arlindo, afirmando que, desde o ano passado, já foram investidos R$ 20 milhões somente na busca destas irregularidades. “Essa atitude nos faz ter um prejuízo muito grande, pois precisamos trocar hidrômetro, quebrar calçadas, recuperar calçadas e rasgar o asfalto, tudo para verificar certas irregularidades", completou.

Foi constatado que uma família que consome água com irregularidade, acaba gastando o equivalente a três famílias, e isso prejudica o abastecimento nas demais localidades de Manaus. Deas 80 mil irregularidades descobertas, apenas um caso foi penalizado, de acordo com a Águas do Amazonas. “Projetos de conscientização não faltam, o que precisamos agora é uma forma de punição. Disponibilizamos 7 mil litros de água por segundo, o suficiente para abastecer duas cidades de Manaus, porém, esse tipo de atitude prejudica o trabalho, e as próprias famílias, que precisam comprar água de carros pipa, muitas vezes essa água está contaminada”, disse Arlindo.

Arlindo disse também que está tranquilo quanto aos protestos que a população está fazendo. Na segunda-feira, manifestantes fecharam a Av. Grande Circular para protestar contra a falta de água. “Fizemos um investimento muito grande no Tancredo Neves, isso não justifica o vandalismo. O nível de abastecimento vai melhorar com o ajuste dessas obras. Sempre vamos ter a incompreensão de algumas pessoas, mas o sofrimento é para que possamos dar um fornecimento de água regular para eles”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 212 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal