Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIFICAÇÃO DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste importante treinamento programado para o dia 16/08/2018 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

05/10/2011 - paraiba.com.br Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dupla usa documento de pessoa falecida para retirar carro apreendido no Detran


Um despachante credenciado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e um usuário foram presos em flagrante quando tentavam retirar um veículo que tinha sido aprendido usando uma procuração assassinada por uma pessoa que já tinha falecido desde o mês de janeiro de 2009.
De acordo com o corregedor de Detran, Wallber Virgolino, no dia 29 de setembro desse ano em uma blitz do Policiamento do Detran foi apreendida uma moto Honda, CG, 125, de cor preta, por encontra-se com o registro vencido (documento atrasado), razão pela qual o veículo foi conduzido até o pátio do órgão, aonde encontra-se até o momento.

No dia 03 de outubro, um homem se identificando como sendo o proprietário da motocicleta, se dirigiu até o Detran regularizou a situação do veículo (efetuou o pagamento) e no momento em que iria retirar a moto, apresentou um documento de identidade que não era compatível com nome do proprietário constante no documento do veículo, sendo informado que só quem poderia retirar o veículo seria o próprio proprietário pessoalmente ou alguém por ele indicado em procuração.

Entretanto, já na tarde do dia 4, o homem na companhia e orientado um despachante, apresentou uma procuração, segundo o usuário confeccionada pelo despachante, e um documento de identidade de uma pessoa que havia falecido em janeiro de 2009, cujo objetivo era retirar uma motocicleta apreendida e que estava em nome do defunto.

A equipe da Corregedoria do Detran, notou a fraude e efetuou a prisão em flagrante dos dois homens pelo crime de Falsidade ideológica, apreendeu a procuração, a identidade e a certidão de óbito que estava na casa do usuário. Em seguida, os dois acusados foram encaminhados para a Delegacia de Mangabeira, aonde foram autuados.

Segundo Wallber Virgolinou um fato que chamou a atenção da polícia é que a procuração tinha o timbre do Conselho Regional de Despachantes e Documentaristas da Paraíba, entidade seria e que representa todos os despachantes credenciados junto ao Detran da Paraíba.

"Essa é a quarta prisão da Corregedoria do Detran em uma semana e 50ª do ano. Nunca uma corregedoria do Nordeste, seja de que órgão for, prendeu tantos elementos em flagrante delito. As investigações continuam e novas prisões ocorrerão", comentou o corregedor do Detran.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 142 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal