Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

12/09/2011 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Produtores rurais são vítimas de golpes no Norte do Espírito Santo

O dono de uma propriedade levou um prejuízo de R$ 100 mil. Dois homens se passaram por funcionários da Previdência Social.

Produtores rurais do Norte do Espírito Santo estão sendo vítimas de golpes de estelionatários. De acordo com a Polícia Civil, os municípios em que mais acontecem os golpes são Nova Venécia, Montanha, Pinheiros e Boa Esperança. O dono de uma propriedade levou um prejuízo de R$100 mil.

Em Nova Venécia, os estelionatários aplicaram o golpe de compra e venda e um produtor levou um prejuízo estimado em R$100 mil. Para não levantar suspeitas, os supostos compradores registraram em cartório um documento de arrependimento. "Quem desistisse do negócio antes dos cheques serem compensados, pagaria 10% do valor da propriedade. Eu desconfiei depois de três dias, mas achei melhor não fazer nada por causa do acordo de desistência", contou o produtor Antônio Valdeir Fornacieri.

Neste intervalo de três dias, os estelionatários estiveram na fazenda e roubaram um trator, gado e cavalos. Os cheques de R$ 1 milhão e de R$ 600 mil repassados pelos estelionatários para o produtor rural eram sem fundos. Os golpistas desapareceram.

De acordo com outro produtor rural, Antônio Bianchi, dois homens se passaram por funcionários da Previdência Social. "Eles chegaram na minha casa e disseram que eram da Previdência, pediram para eu assinar uns papéis para ver a minha assinatura e, em seguida, pediram para eu assinar uns cheques. Logo depois que eles foram embora, eu desconfiei, fui ao banco e sustei os cheques. Depois fui à delegacia registrar queixa. Quando eu cheguei no local, um outro homem estava reclamando que tinha recebido um cheque e estava sustado. Mas o cheque era meu", relatou Bianchi.

Também em Nova Venécia, o produtor rural José Valdir Fornaciari acredita que também poderia cair em um golpe. Neste caso, um homem começou a frequentar a propriedade dele sem nenhuma razão. "Fiquei muito desconfiado. Ele não vinha comprar e vender nada, ninguém sabia o que ele queria. Até que, no terceiro dia, eu liguei para a polícia e passei as placas do carro. Foi aí que descobri que o veículo não estava registrado", contou o produtor.

A Polícia Civil informou que fez uma cartilha de orientação aos produtores rurais para não caírem nestes tipos de golpes. Disse ainda que ninguém foi preso, mas que continua investigando os casos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 193 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados no topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





Copyright © 1999-2021 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal