Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

24/07/2011 - Diário do Nordeste Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Outro golpista é preso em Fortaleza

Policiais da Delegacia de Defraudações e Falsificações chegaram ao acusado no momento em que ele agia numa loja.

Depois de comprar duas TVs de Led usando um cartão clonado e carteira de identidade falsificada, um homem foi preso quando tentava repetir o feito, comprando mais duas TVs iguais, em um loja de produtos eletrônicos num shopping da Zona Norte da Capital.

Nonásio Furtado de Menezes foi preso porque despertou a atenção de funcionários ao retornar à mesma loja, apenas quatro dias depois, com a intenção de adquirir mais dois produtos idênticos aos que havia comprado. O valor total da primeira compra tinha sido de R$4,5 mil.

Clonagem

Desconfiado, um gerente da loja acionou a Polícia. Em poder de Nonásio, foram apreendidos um cartão de crédito Hipercard clonado e uma carteira de identidade falsificada com o nome de Francisco Danilo Tomé Lopes. O acusado foi levado à Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF, onde revelou ao delegado Jaime Paula Pessoa, titular da DDF, que tinha comprado aquele cartão clonado pela Internet, por R$500,00.

De acordo com o que foi descoberto pela Polícia, a trilha do cartão era em nome de uma mulher. Nonásio ainda confessou ter confeccionado a carteira de identidade falsa. "Ele disse, ainda, que as TVs que estava comprando pretendia revender no Centro de Fortaleza, a R$800,00 cada", revelou o titular da ´Defraudações´.

Antecedentes

Na delegacia Especializada em fraudes, Nonásio foi reconhecido por alguns policiais. Num rápido levantamento, o delegado Jaime descobriu que o acusado já responde a quatro processos pelos crimes de furto, extorsão e estelionato. "Desta vez, foi autuado em flagrante por estelionato, falsificação de documento particular, falsidade ideológica e falsa identidade", confirmou o delegado.

O delegado Jaime Linhares alerta para a expansão dos crimes de clonagem de cartões. Quadrilhas locais e de outros Estados estão, cada vez mais, se especializando neste tipo de golpe. A Polícia, segundo ele, vem dando a resposta com prisões praticamente todas as semanas. Grupos de clonadores vêm sendo rastreados e desarticulados. Porém, a velocidade com que os criminosos agem e aperfeiçoam a tecnologia para o crime tem impressionado as autoridades.

Na semana passada, a equipe da DDF prendeu um ´cartãozeiro´ que fabricava os ´chupa cabras´, que são leitoras de tarja magnética dos cartões usados pelos clientes de bancos nos caixas eletrônicos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 198 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados no topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





Copyright © 1999-2021 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal