Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

16/08/2011 - Jornal da Cidade de Bauru Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF apreende nota nova de R$ 100 falsa

Por: Vitor Oshiro

Cédula de R$ 100,00 foi usada ontem em um posto de combustível; falsificado, modelo novo dificultou trabalho até da polícia.

Há apenas algumas semanas circulando em Bauru, a Polícia Federal (PF) já registra a primeira apreensão de um exemplar falsificado do novo modelo de cédulas de reais. O ineditismo da nota de R$ 100,00, que foi entrege a um posto de combustível da cidade ontem, foi tamanho que até mesmo os policiais tiveram dificuldades em distinguir se a cédula era verdadeira ou não. Diante do quadro a polícia federal afirma aos donos de estabelecimentos comerciais, principalmente, que é preciso redobrar o cuidado e orientar bem os funcionários e demais pessoas que lidam com dinheiro.

O pagamento com a nota falsa ocorreu por volta das 9h de ontem, em um estabelecimento localizado no Jardim Rosa Branca, em Bauru. Na ocasião, um casal fez o abastecimento no valor de R$ 30,00 em um Fusca bege, pagando com a cédula criminosa e recebendo R$ 70,00 de troco.

O frentista M.R.O., que completava 37 anos exatamente ontem, não desconfiou de que poderia se tratar de uma nota falsa, sendo alertado somente depois pelo funcionário que cuida do caixa do posto de combustível.

Segundo o frentista, não foi possível anotar a placa do veículo e as características da mulher. Já o homem foi descrito como branco, estatura mediana, magro, cabelos claros e aproximadamente 35 anos.

A cédula foi encaminhada à delegacia da PF, onde até os próprios policias tiveram dificuldades. “Saber que já falsificaram essa nota realmente foi uma surpresa para nós. O papel aparentava ser falso, porém, como não havia outro exemplar para compararmos, foi difícil. Tivemos que buscar pelo número de série da cédula no nosso sistema e vimos que já existia outras apreendidas”, explica o delegado da PF, Carlos Alberto Fazzio Costa.

Segundo o que acusou o sistema, três cédulas com a mesma numeração foram apreendidas em Indaiatuba em maio deste ano e outras três, em Parati, na semana passada. “A população precisa ficar alerta. Essas notas foram feitas para melhorar a segurança, porém, nesse momento de transição, como as pessoas não estão familiarizadas, os bandidos aproveitam”, alerta o delegado.

Conforme o JC publicou na semana passada, entre janeiro e junho deste ano foram apreendidos R$ 2.060,00 em notas falsas em Bauru. A maioria dessas apreensões foram de notas de R$ 50,00, as “preferidas” dos falsificadores.

“Chama a atenção e é curioso o fato de essa cédula nova apreendida hoje (ontem) ser de R$ 100,00. É bastante provável que isso seja uma estratégia dos criminosos para maximizar os ‘lucros’. Eles aproveitam agora, que muito gente desconhece a nota, para ganhar o máximo que podem”, aponta Fazzio Costa.

Segundo o delegado, por conta do ineditismo e do desconhecimento sobre as células, é preciso ficar bastante atento. “A pessoa deve acionar a polícia caso suspeite. Se ela já tiver pegado a nota, precisa levar ao Banco ou trazer para a Polícia Federal. Vale sempre lembrar que, caso comprovado que ela repassou sabendo da falsificação, está cometendo um crime”, completa.

Como identificar?

Segundo dados do Banco Central, várias dicas de segurança dos modelos antigos continuam funcionando para identificar a falsificação nas novas cédulas de real. Ao colocar a nota contra o sol, é possível verificar a marca d’água: a onça na nota de R$ 50,00 e a garoupa na de R$ 100,00.

As duas notas - de R$ 50,00 e R$ 100,00 - ainda possuem o fio de segurança na região mediana. Uma novidade é que, na parte superior esquerda, ao colocar a nota contra a luz, é possível ver um quebra-cabeça formando o valor da nota.

O papel também pode indicar qual nota é falsificada. Nas verdadeiras, ele é mais fino e áspero do que o papel normal, apresentando relevos em alguns pontos.

Na parte esquerda, há uma faixa holográfica, que, ao movimentar a nota, surge a palavra “reais” alternando com a numeração do valor da respectiva cédula.

Outra maneira de identificar e comprovar a autenticidade é colocar a nota na altura dos olhos na horizontal. Fazendo isso, surge um número escondido – com o valor da cédula – na parte direita.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 203 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados no topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





Copyright © 1999-2021 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal