Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

30/06/2011 - DireitoCE Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Solicitada a prisão de mais um prefeito acusado de fraude no Ceará: Ibaretama


Apesar do clima de tranquilidade que reina em Ibaretama, a população não sabe onde estão o prefeito e seus assessores. Todos sumiram ao saber da notícia do pedido de prisão. Agora, é o prefeito de Ibaretama, Edson de Moraes, que poderá ir parar na cadeia por desvio de verbas públicas

Menos de 24 horas após a prisão do ex-prefeito de Tianguá, Gilberto Moita, de dois filhos dele e do ex-secretário de Comunicação de Senador Pompeu, radialista José Felismino de Sousa Neto, todos acusados de envolvimento em esquemas de fraudes em licitações, a Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap) solicitou, ontem, à Justiça, a decretação da prisão preventiva e afastamento do cargo do prefeito de Ibaretama (a 134Km de Fortaleza), Francisco Edson de Moraes e assessores.

O pedido foi encaminhado às Câmaras Criminais Reunidas do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará.

De acordo com o coordenador do órgão do Ministério Público Estadual (MPE), procurador Benon Linhares Neto, o prefeito Edson Moraes e outras 20 pessoas da sua administração ou ligadas a ela estariam envolvidas em um grande esquema de corrupção e fraudes em licitações neste Município do Sertão Central.

Acusados

Na relação das pessoas investigadas e que tiveram a prisão solicitada à Justiça, figuram, além do prefeito de Ibaretama, Raimundo Rodrigues Filho, Francisco Júnior de Queiroz da Silva, o tesoureiro Armando Gomes de Oliveira e o engenheiro fiscal Roberto Roque Pires.

Ainda de acordo com a nota oficial emitida pela Assessoria de Imprensa do MPE, as solicitações à Justiça do Estado tiveram como base as investigações levadas a efeito pelos promotores de Justiça auxiliares da Procap, Luiz Alcântara Costa Andrade e Eloilson Augusto da Silva Landim, com o apoio da Polícia Federal neste estado durante a operação "Inselberg", desencadeada no início do mês com a prisão de vereadores e detenção de membros da Comissão de Licitação de Ibaretama, empresários e um ex-prefeito do Município de Reriutaba.

Tão logo a denúncia de corrupção contra o prefeito de Ibaretama foi postada no portal eletrônico do Ministério Público do Estado do Ceará, as portas do prédio administrativo foram fechadas. Servidores e secretários desapareceram. Na cidade de Ibaretama, apesar da tranquilidade, o clima é de desconfiança. Ninguém sabe onde estão o prefeito e sua equipe.

Exagerada

Em entrevista no começo da noite passada, por telefone, o advogado do prefeito de Ibaretama, criminalista Leandro Vasques, foi enfático ao afirmar que, "apesar do respeito à atuação do Ministério Público Estadual, enxergo como exagerada a medida extrema de se requerer a prisão preventiva de alguém que, além de estar contribuindo com as investigações, possui um passado ilibado e residência fixa". Segundo o advogado, a medida é desnecessária.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 357 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal