Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

25/06/2011 - Jornal da Mídia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Corrupção no governo é a razão dos ataques, dizem 'crackers'


Os recentes ataques a sites oficiais têm como motivo a corrupção no governo federal, anunciam os grupos de crackers que reivindicam a autoria das investidas realizadas nos últimos dias: Anonymous, LulzSec e FIREH4CK3R.

"Por longos anos, nosso governo corrupto vem nos roubando. Chegou a hora do contra-ataque", revela um comunicado do LulzSec, dissidência do Anonymous, cujos participantes dizem que agem por diversão.

O nome do grupo resulta da justaposição da gíria "lol" (laugh out loud, em inglês, ou rir em voz alta) com a abreviação "sec" (security, ou segurança).

O Anonymous divulgou um vídeo no qual justifica as razões do ataque, citando a corrupção no governo como um dos motivos da ação.

Invadido na madrugada de sexta-feira, o site do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) amanheceu com um anúncio na página de entrada: "IBGE Hackeado - Fail Shell. FIREH4CK3R". Na sequência, os piratas virtuais deixam uma mensagem:

"Este mês, o governo vivenciará o maior número de ataques de natureza virtual na sua história feito pelo Fail Shell. Entendam tais ataques como forma de protesto de um grupo nacionalista que deseja fazer do Brasil um país melhor. Tenha orgulho de ser brasileiro, ame o seu país, só assim poderemos crescer e evoluir!. Atacado por FIREH4CK3R. Brasil, um país de todos! Não há espaço para grupos sem qualquer ideologia como LulzSec ou Anonymous no Brasil".

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 147 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal