Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

22/06/2011 - Campo Grande News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário se frusta ao tentar dar golpe de mais de R$ 200 milhões em corretoras da Capital

Por: Paula Maciulevicius

Se conseguisse, golpe milionário seria o de maior valor já registrado.

Um jovem, muitos nomes e várias passagens por estelionato. Gabriel Rossler de aproximadamente 30 anos se frustou ao arquitetar um golpe milionário em Campo Grande. O estelionatário foi descoberto e antes de fechar qualquer contrato, fugiu, mas foi localizado em Rio Brilhante, cidade a 163 quilômetros da Capital.

Caso Gabriel conseguisse firmar negócio, seria o maior golpe já dado no Estado,de mais de R$ 200 milhões. A denúncia da ação do estelionatário chegou até a Dedfaz (Delegacia Especializada de Defraudações) da Capital. Gabriel foi ouvido e liberado porque não houve consumação do crime, ficou somente nos atos preparatórios, afirmou a delegada Roseli Molina.

Para quem pretendia dar um golpe milionário, Gabriel deu indícios de que se tratava de mais uma tentativa de estelionato. Ele entrou em contato com algumas corretoras de imóveis levantando empreendimentos de valores altíssimos e dizia que queria comprar e o dinheiro viria de fundos internacionais, ou seja, de contas no exterior.

Algumas empresas procuradas por Gabriel chegaram a providenciar a documentação, mas não foram lesadas, porque o rapaz percebeu que seria pego e fugiu da cidade. “As empresas tem larga experiência, e dificilmente cairiam no golpe”, afirmou Molina.

Segundo a delegada Roseli Molina, os corretores começaram a suspeitar porque ele sempre estava sozinho e não havia apresentado nenhum documento, nem ao menos um cartão de visitas. Questionado, o rapaz não respondia onde estava hospedado.

Aqui no Estado, ele chegou a dar o nome de Gabriel, Ricardo e Maurício de Andrade.

Na tarde de ontem, Gabriel tentou agir e foi pela última vez, pelo menos por enquanto. Ele estava no carro dos corretores, visitando um dos imóveis, quando atendeu uma ligação no celular, enquanto ele desceu do carro, os corretores perceberam que ele iria fugir, e foram direto para a delegacia.

Na Dedfaz, deram a informação de que ele já poderia ter deixado a cidade. A delegacia acionou a cidade de Rio Brilhante, que fez a apreensão dele ainda na estrada e o interrogou.

Durante os esclarecimentos, o rapaz afirmou que tinha a intenção de tirar dinheiro das empresas e arquitetou o plano para dar o golpe. Ele não tinha nenhum documento que comprovasse a verdadeira identidade.

A Polícia do Estado tem a informação de que Gabriel já tem passagem por estelionato em Minas Gerais, São Paulo, Goiás. A Dedfaz vai expedir ofício para saber da situação dele em outras cidades, juntar a documentação e encaminhar a outros estados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 433 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal