Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

09/06/2011 - SEGS Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Usuários de Facebook e Mac OS estão no alvo de criminosos digitais, segundo a ESET

Por: Andréa Farias


Em maio, tanto o Facebook quanto os sistemas dos computadores Mac se consolidaram como os principais alvos dos criminosos digitais, que apelaram para técnicas de Engenharia Social para enganar os usuários e distribuir variados tipos de ameaças.
A propagação das ameaças tecnológicas por meio das redes sociais tem se tornado muito comum nos últimos tempos devido à alta concentração de usuários e à maior possibilidade de obter lucros econômicos que esta ação implica. No mês de maio, o golpe do falso botão “Não curtir” do Facebook tinha como objetivo levar os usuários a se inscreverem em um serviço de assinaturas de SMS pago.

Num primeiro momento, o usuário recebia uma mensagem de um contato, convidando-o a baixar o suposto novo botão. Ao aceitar o convite, se dava inicio ao processo de instalação. O passo seguinte consistia em solicitar a inclusão de um código em javascript, o que permitia que a mensagem fosse propagada pelos contatos da vitima. Uma vez concluído o procedimento, a vitima era levada a uma página de assinatura de SMS, serviço que raramente solicitaria o download.

“É importante que os usuários saibam que esse tipo de ameaça é cada vez mais comum nas redes sociais, por isso, eles devem se manter atentos aos convites suspeitos. O usuário informado e atento é bem menos propenso a cair nesses enganos”, afirma Federico Pacheco, Gerente de Educação e Pesquisa da ESET para a América Latina.

Ainda em maio, o segundo foco de ataque foram os usuários do sistema operacional Mac OS, a partir do surgimento de um novo rogue para a plataforma da Apple, distribuído sob o nome “MacDefender”. O código malicioso, assim como os falsos antivirus, se caracteriza por simular uma infecção no sistema e oferecer ao usuário a compra de uma suposta licença de software, através do qual será fraudado.

Após a descoberta da ameaça, diversas variantes começaram a circular na Internet como “MacProtector”, “Aplle Security Center”e “MacSecurity”, entre outras. Uma das últimas detectadas, “MacGuard”, se caracterizava por não precisar de autorização do administrador para sua instalação.

Sobre a ESET

Fundada em 1992, a ESET é uma companhia global de soluções de software de segurança que provê proteção de ultima geração contra ameaças eletrônicas. A matriz da empresa está localizada na Bratislava (Eslováquia), contando com escritórios de coordenação global em San Diego (Califórnia, EUA), Londres (Reino Unido), Praga (Republica Checa), Cracóvia (Polônia) e Buenos Aires (Argentina).

Além de seu produto carro-chefe, o antivírus ESET NOD32, desde 2007 a companhia oferece a solução ESET Smart Security, que integra a premiada proteção proativa do NOD32 com um firewall e um anti-spam. As soluções ESET oferecem aos clientes corporativos um maior retorno do investimento (ROI) do mercado, como resultado de uma alta taxa de produtividade, velocidade e mínima utilização de recursos.

O trabalho da ESET com corporações como Canon, Dell, Bridgestone e Microsoft permitiu à empresa entrar no ranking Deloitte Technology Fast 500 - região Europa, Oriente Médio e África, por cinco anos consecutivos.

A ESET conta também com um grande histórico de reconhecimento de laboratórios prestigiados no mercado: a solução ESET NOD32 conquistou mais prêmios de Virus Bulle[tin que nenhum outro antivirus, detectando consistentemente todas as amostras ativas (in-the-Wild) sem gerar falsos positivos.

Desde 2004, a ESET atua na América Latina, a partir de Buenos Aires (Argentina), onde dispõe de uma equipe de profissionais capacitados para responder às demandas do mercado de forma concisa e imediata, além de um laboratório de pesquisas focado na descoberta proativa de varias ameaças.

A importância de complementar a proteção oferecida pela tecnologia líder na detecção proativa de ameaças com uma navegação e o uso consciente da equipe, junto com o interesse de fomentar a conscientização dos usuários sobre a necessidade de segurança, tornam as campanhas educativas o pilar da identidade corporativa da ESET.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 167 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal