Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

07/06/2011 - SEGS Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

A internet e os ladrões digitais

Por: Almir Rizzatto e Fábio Mainardi


Com 20 anos de experiência em comunicação de dados e sócio de uma empresa que desenvolve programas online, tenho recebido diversas perguntas sobre a segurança dos dados na internet.
Os sistemas já conhecidos no mercado, como o gerenciador financeiro Yupee e o disco virtual Yupee Box, são, sim, seguros.

É muito mais seguro ter os dados em um servidor confiável, mantido por profissionais que se dedicam diariamente à proteção com backup, evitando hackers, vírus, phishing scam e outras ameaças, do que os métodos utilizados hoje em dia (ou você fica tranquilo ao saber que informações importantes sobre você, como contas telefônicas e extratos bancários, ficam trafegando na rua, seja por carteiros ou no lixo após o uso?).

No Yupee, por exemplo, os dados ficam armazenados com cópias em diferentes servidores, imunes a vírus, com intransponíveis barreiras contra hackers. Ou seja: suas informações só podem ser acessadas caso alguém possua o seu login e senha. Hoje, já são mais de 20 mil usuários se beneficiando da organização financeira online sem que nenhum incidente de segurança tenha sido registrado desde o lançamento do produto, em março de 2010.

Mas não podemos deixar de alerta-los sobre os perigos da internet, afinal, existem diversos outros serviços que também precisam da ajuda do usuário para se manterem seguros, como por exemplo os bancos, e-mail, etc.

Siga essas dicas:

» Nunca clique em links inseridos em e-mails que parecem ser do seu banco. Eles certamente te levarão para uma cópia quase perfeita do site do seu banco, que você está acostumado, para roubar suas informações bancárias.

» Os bancos nunca vão te solicitar informações pessoais por e-mail ou fora do ambiente seguro.

» Nunca abra um e-mail de uma fonte desconhecida.

» Sempre mantenha um antivírus e um firewall instalados. A Microsoft tem um gratuito (Security Essencials)

» Mantenha o sistema operacional e o browser sempre atualizados.

» Proteja a sua rede wireless de hackers e de utilização indevida da sua banda, com senha e segurança WPA2 ou WPA (no mínimo use WEP).

» Nunca utilize serviços que necessitem de senha em lan houses desconhecidas, redes wireless abertas, internet café’s. Todas as informações são facilmente rastreáveis.

» Mantenha o filtro de spam sempre ativo. Para quem não tem nenhum, o Mailwasher pode ajudar.

» Sempre use uma senha forte e diferente para cada serviço. Evite as comuns e óbvias. Procure criar uma regra para a criação de senhas, assim você terá sempre uma diferente para cada site. Veja um exemplo de refra: senha de 8 letras utilizando: uma palavra comum, as duas primeiras ou últimas letras do site intercaladas com a primeira letra da palavra comum, coloque uma maiúscula e um ou dois números. (Exemplo: palavra comum: silva; site Yupee; numero 33. Utilizando a regra citada, a senha ficará: Ysuilva33. Para o site do UOL, fica: Usoilva33) Ou seja: todas as suas senhas vão ser parecidas, só alterando a primeira e a terceira letras!

» Nunca escreva suas senhas atrás dos cartões de crédito. Se for guardar as senhas em uma planilha, use senha e criptografe o arquivo, que nunca deverá estar online.

» Nunca saia do micro e deixe a janela do Internet Banking aberta. Sempre encerre a sessão, mesmo que não haja outras pessoas por perto.

» Preste sempre atenção ao HTTPS no início da URL. O “S” significa seguro, com criptografia na transmissão dos dados.

» Confira regularmente a sua conta bancária e o extrato de cartão de crédito para encontrar transações suspeitas. Usuários do Yupee podem baixar o extrato, conciliá-lo com a agenda e anotar os gastos diários com o cartão de crédito. Assim, qualquer atividade irregular é logo descoberta.

Trazendo para o mundo digital o velho ditado: Não espere o ladrão arrombar a porta para colocar a tranca! Se aprendemos a trancá-la, agora temos que tomar alguns cuidados para evitar sermos fisgados pela hábil criatividade dos ladrões virtuais.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 2878 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal