Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

02/06/2011 - O Jornal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário que aplicou golpes em Alagoas é preso em Sergipe


O estelionatário Roberval Pinheiro Sales, 34 anos, acusado de aplicar golpes contra concessionárias em Alagoas e Sergipe, foi preso na cidade de Aracaju e deve ser transferido para Maceió, a pedido do delegado Robervaldo Davino, do 4° Distrito Policial, que investiga as atividades ilícitas do acusado na capital alagoana.

A prisão ocorreu no momento em que o estelionatário negociava a compra de um automóvel VW/Bora, placa IAL 9106, na concessionária Maracar, localizada na capital sergipana.

Em depoimento prestado à delegada Carina Rezende da Silva, do Departamento de Defraudações e Combate à Pirataria, Roberval Pinheiro confessou a participação em uma quadrilha especializada nesse tipo de crime.

Ele disse que usava nomes falsos, entre eles, Fábio Lopes de Almeida Cabral, Alexandre Lopes de Souza, Roberval Francisco de Sales Neto, Daniel Santos da Rocha, Benício Daniel da Rocha, Cleidson de Souza Lima e Rubervaldo Celestino Ferreira, para aplicar os golpes nos dois estados.

Segundo o estelionatário, os documentos falsificados eram utilizados para fazer financiamentos de carros para posterior negociação em Maceió, onde também praticou crime idêntico.

Roberval contou que estava em Aracaju há umas três semanas, na companhia de um comparsa de nome Carlos Augusto que se encontra foragido.

Sua participação na quadrilha era providenciar a confecção de toda a documentação falsa e selecionar as concessionárias e os veículos a serem comprados. Ele também era o escolhido para assinar os financiamentos porque já tinha sido empresário e comerciante, tendo um bom trato com as pessoas e um “bom papo”.

De acordo com o depoimento, os carros eram negociados por Carlos Henrique e outro estelionatário de nome Luiz Henrique, conhecido por “Gordo” que foi preso em 26 de abril deste ano pela equipe do 4° Distrito Policial, em Maceió, ao ser flagrado na compra fraudulenta de um automóvel Gol, cor prata (HMI 4093/MG), na loja Localiza.

Na ocasião, Roberval Pinheiro conseguiu escapar por ter sido avisado sobre a prisão do comparsa.

O estelionatário confessou ainda que já fora preso e processado duas vezes, no ano de 2005, na cidade de Fortaleza (Ceará), também por ter aplicado o mesmo golpe.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 216 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal