Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

23/05/2011 - Diário do Nordeste Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Serviço mira cheques roubados


São Paulo Pessoas que tiverem os cheques, cartões ou documentos, como RG e CPF, roubados contam agora com um serviço gratuito no qual podem cadastrar a ocorrência, informação que fica disponível para os lojistas e comerciantes de todas partes do País.

"Dessa maneira, o cliente evita que terceiros façam compras ou até abram contas em bancos com os seus dados", explicou o superintendente da área de inovação e sustentabilidade da Boa Vista Serviços, empresa responsável pelo desenvolvimento do sistema, Fernando Cosenza.

Cerca de quatro milhões de pessoas consultam o banco de dados da Boa Vista que é responsável pela administração do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). Dessa maneira é possível ver se há algum problema com o cheque ou CPF do consumidor.

Prevenção

Para se prevenir o cliente deve entrar no site www.apoioaoconsumidor.com.br e clicar em "SOS - Cheques e Documentos". A partir daí, basta preencher todas as informações.

Após a confirmação por e-mail, o consumidor fica salvo de qualquer tipo de transação que seja feita sem a sua autorização. Mesmo assim, Cosenza alerta que o Boletim de Ocorrência deve ser feito para uma maior segurança.

O advogado especialista em defesa do consumidor e consultor, Josué Rios, acredita que esse serviço dificulta ainda mais a ação de fraudadores. "O consumidor deve se precaver de todos os lados, iniciativas gratuitas como essa são sempre bem-vindas, afirma ele.

Operações não reconhecidas e abertura de contas com documentação falsas estão entre as 20 reclamações mais citadas no ranking de abril do Banco Central. E essa queixa permanece entre as com o maior número de ocorrências há mais de um ano.

Esse serviço é uma forma efetiva de comunicarmos o mercado sobre o roubo ou furto de qualquer documento, reforça o superintendente da Boa Vista.

Assim que a ocorrência for cadastrada, qualquer transação de compra que for feita utilizando o CPF do consumidor poderá sofrer algum tipo de intervenção, caso o comerciante recorra a esse serviço também, já que é uma operação de mão dupla.

O consumidor cadastra o ocorrido e a empresa consulta o banco de dados para se assegurar a transação.

Boletim de ocorrência

O consumidor que estiver em uma situação como essa deve primeiro fazer um Boletim de Ocorrência na Polícia Militar pessoalmente ou via internet, pelo site www.ssp.sp.gov.br e abrir o link "Delegacia Eletrônica". Assim, com o número do Boletim em mãos, o cliente pode se cadastrar no banco de dados do SCPC.

Para mais informações, o telefone da Boa Vista Serviços é o (11) 3244-3030.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 393 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal