Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

23/05/2011 - A Crítica de Campo Grande Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

DEDFAZ prende quarilha de estelionatários que agia na Capital


Em Campo Grande, na na última quarta-feira (18), a Delegacia Especializada de Repressão aso Crimes de Defraudações – DEDFAZ - prendeu três pessoas, em flagrante, por estelionato e formação de quadrilha, no momento em que um deles tentava pagar um boleto de IPTU com um cheque sem fundos.

De acordo com os autos, JOSÉ GILBERTO FRAGAS FERREIRA (43 anos), no dia 18/05, por volta das 14h30, na tesouraria da empresa RDM, terceirizada da prefeitura de Campo Grande que atua no recebimento de tributos, tentou quitar um tributo com um cheque sem fundo, no valor de R$380.512,97.

No momento do pagamento, foi checado junto ao banco que José tinha apenas R$70,00 em sua conta bancária.

José alegou que não sabia para quem estava efetuando o pagamento descrito naquela lâmina de cheque, mas caso obtivesse sucesso receberia, dos titulares dos débitos, 10% daquele valor (R$380.512,97).

Através dele, chegou-se até RICARDO MÁRIO MATTOS DE OLIVEIRA (37 anos), com o qual José deveria entrar em contato assim que efetuasse o pagamento.

Ricardo confirmou a história e informou que a pessoa que o contratou se chama “Gilmar” ou “Gilberto”, contrato feito através de telefone fixo, da residência do próprio Ricardo.

A equipe policial da DEDFAZ, no intuito de identificar a pessoa chamada de “Gilmar” ou “Gilberto”, deu prosseguimento às investigações, identificaram o terceiro integrante da quadrilha na pessoa de TÉRCIO MOACIR BRANDINO (49 anos), com o qual foram encontrados vários vários apetrechos destinados à confecção de documentos falsos.

Os três integrantes foram presos em flagrante por estelionato e formação de quadrilha. Eles foram recolhidos em uma das celas provisórias da DERF, onde permanecem à disposição da Justiça.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 701 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal