Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

17/05/2011 - Diário da Amazônia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresários são vítimas de golpe


Vantagens sem qualquer tipo de custo ou uma simples atualização cadastral. Essas são apenas algumas das estratégias utilizadas por empresas acusadas de aplicarem o “golpe da lista telefônica”. Empresários de Rondônia estão sendo vítimas da fraude, que é aplicada em todo o Brasil.
Um comerciante, que preferiu não ser identificado, disse que uma de suas funcionárias recebeu um telefone da empresa América Publicações, com sede em São Paulo (SP), para que os dados da empresa fossem atualizados e continuassem sendo divulgados em uma lista telefônica na internet e de circulação nacional – a informação é de que a atualização e o serviço seriam gratuitos.
Para conseguir aplicar o golpe, a telefonista enviou uma ficha cadastral por fax e orientou a funcionária a preenchê-la com os dados da empresa, carimbar o documento e reenviá-lo por fax. “A gente só não caiu no golpe porque eu cheguei na hora que ela (a funcionária da empresa) estava preenchendo a ficha cadastral e eu percebi que haveria cobrança de valores”, explica o empresário.
Em letras pequenas, no contrato constava que seriam cobradas 12 parcelas de R$ 358. “Não assinamos nada e nem devolvemos a ficha cadastral pelo fax. Quando eles ligaram de novo a gente disse que não queria mais o nosso nome na lista telefônica”, argumenta o empresário.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 386 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal