Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

13/05/2011 - De Fato Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Civil prende quatro homens envolvidos em fraude de CNH em Barão de Cocais


Depois de dois meses de investigação, a Polícia Civil prendeu em flagrante quatro homens em Barão de Cocais que se passavam por alunos no exame de legislação de trânsito, no processo de aquisição da Carteira Nacional de Habilitação. Os acusados eram pagos para fazer a prova e conceder o título aos verdadeiros pleiteantes.

A ação, comandada pelo delegado Luiz Otávio Fonseca, foi deflagrada na manhã desta sexta-feira, 13 de maio. Luiz é também coordenador da banca de examinadores de habilitação de João Monlevade, que abrange Barão de Cocais.

Gilberto Silva Rodrigues, Sílvio Domingos, Valdivino Salvador dos Santos Junior e Alex Ribeiro Tenerório Barbosa são moradores da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Eles foram detidos dentro de uma sala na Unipac, no momento da prova desta sexta. Segundo o delegado, os homens usavam documentos falsificados na fraude e recebiam R$ 1.500 dos candidatos para facilitar o processo de aprovação teórico.

As investigações começaram depois que a Polícia Civil recebeu uma denúncia anônima há cerca 60 dias. No exame de hoje, que culminou na prisão dos envolvidos, eles chegaram à sala, apresentaram as identidades dos alunos com as fotos alteradas, assinaram a lista de presença e começaram a prova.

Depois disso, o delegado, com cautela para não prejudicar os demais alunos, chamou os quatro suspeitos em uma sala reservada e anunciou a prisão. Sem hesitar, os autores assumiram o crime. Eles ainda revelaram que chegaram em Barão num Ômega, placa GKV-7474, de Betim, que foi apreendido. Um outro suspeito, conhecido como Fábio, que seria o vendedor das carteiras facilitadas, não foi localizado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 146 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal