Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

09/05/2011 - rondoniaovivo.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Professor Rubenildo - Estelionatário que já aplicou golpes em Rondônia e Roraima é preso no Maranhão


O professor Rubenildo, muito conhecido em Rondônia graças a suas aparições televisivas onde oferecia cursos a preço de banana foi novamente preso. Desta vez, o estelionatário se apresentava como pastor Lima em Codó no Maranhão e usava o mesmo “modus-operandi”. Em 2007, o Rondoniaovivo produziu uma reportagem investigativa denunciando diversas situações do estelionatário televisivo. O “pastor Lima” chegou a ser defendido por um conhecido jornalista de Rondônia, que vendia um espaço publicitário para o acusado. De férias em Vitória (ES), o jornalista entrou no ar e desqualificou o trabalho dos repórteres do Rondoniaovivo, afirmando que a reportagem era fruto de inveja ao sucesso financeiro do nobre professor. Resta saber se o repórter, que também é um excelente "merchan" vai novamente noticiar a prisão de seu amigo.
Confira abaixo matéria publicada nesta data sobre a prisão do meliante da educação
José Rubenildo se apresentava no Maranhão como pastor e ofertava cursinhos preparatórios O professor e cientista social José Rubenildo Fonseca Lima, 39, que já responde a processo na Justiça de Roraima, acusado de estelionato e que estava com prisão decretada em razão de ter fugido do Estado, foi preso esta semana em uma cidade do interior do Maranhão, onde já colocava em prática novo golpe. Uma denúncia anônima para a polícia revelou que ele era foragido de Roraima.
José Rubenildo foi preso na cidade de Codó (MA), onde já estava recebendo dinheiro da população, sob o pretexto de oferecer cursos preparatórios para concursos, mesma prática adotada em Roraima no ano de 2006, quando criou o cursinho preparatório “Academicus”.
Em Codó, o acusado se apresentava como pastor Lima e já estava fazendo propaganda em emissoras de televisão local, quando a polícia fez a prisão dele. A polícia constatou os antecedentes criminais do acusado e confirmou que ele foragido de Roraima, onde cumpria sua condenação de dez anos de reclusão em regime semiaberto.
O professor se utilizara de um benefício da Justiça, que permite a saída presos em datas comemorativas para visitar familiares, e fugiu de Roraima. Natural da cidade de São Luís (MA), Rubenildo vai ficar preso em Codó até que a Justiça roraimense determine seu recambiamento.
José Rubenildo já foi acusado de praticar crime de estelionato também no Estado de Rondônia. A prática criminosa consistia no mesmo conteúdo. Ele ofertava cursos preparatórios para concursos e depois de pegar o dinheiro fechava os cursinhos.
Ao ser preso pela segunda vez em Roraima em outubro de 2007, ao tentar aplicar o mesmo golpe no Município de Iracema, ele se defendeu dizendo que não agia de má-fé e alegou que faltou competência administrativa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 707 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal