Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

05/05/2011 - Diário de Marília Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Justiça liberta homem das quatro identidades

Pedido de liberdade provisória foi aceito na terça-feira

O vendedor Manoel Eduardo da Silva, 42, o golpista que possui quatro identidades diferentes, está de volta às ruas desde a última terça-feira (3), quando a Justiça de Marília acatou o pedido de liberdade provisória solicitado por sua defesa, nas mãos do advogado Celso Rodrigues Barbosa. Ele estava preso desde o dia 19 de abril.

A solicitação foi encaminhada na semana passada. O defensor se baseou no fato de Manoel ter comprovado a sua identidade, ser réu primário e ter residência fixa. O benefício foi dado pelo juiz da 3ª Vara Criminal, Décio Divanir Mazeto, que fez uma ressalva: caso cometa algum crime, voltará imediatamente para a cadeia.

O CASO

Investigações da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) descobriram que Manoel deu pelo menos R$ 28 mil em prejuízo a agências bancárias de Marília. Quando foi preso, além dos documentos falsos, a polícia encontrou com Manoel cheques, R$ 6.682 em dinheiro, revólver calibre 38 e uma caminhonete avaliada em R$ 90 mil.

Há ainda a suspeita de que ele praticava agiotagem e utilizava outra pessoa para registrar os bens que adquiria. O inquérito policial continua aberto e tenta identificar novas vítimas do golpista. Ele está respondendo por estelionato, falsidade ideológica, uso de documento falso e descaminho.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 182 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal