Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

04/05/2011 - Agência Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Carga de queijo com falsificação de selo fiscal é apreendida em Goiás

Por: Aécio Amado


Brasília – A falsificação de selo fiscal levou hoje (4) os agentes da Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária (DOT) a apreenderem 17 toneladas de queijo da marca Ana Luíza, da empresa mineira Itererê. A apreensão ocorreu durante operação da DOT no posto fiscal da BR-060, próximo de Abadiânia, em Goiás.

O motorista Jordão de Oliveira de 64 anos, que dirigia o caminhão com a carga, disse que a mercadoria saiu de Campos Belos, também em Goiás, às 14h de ontem (3).

Técnicos do Departamento de Defesa Agropecuária e Inspeção de Produtos de Origem Vegetal e Animal informaram que as 17 toneladas de queijo serão incineradas sem nenhum teste para saber se o produto é impróprio para consumo.

O delegado João Carlos Lossio disse que a empresa Itererê será acusada de crime contra ordem tributária, contra as relações de consumo e receptação de mercadoria. Ela deverá pagar uma multa em torno de R$ 85 mil. A carga apreendida foi avaliada em R$ 120 mil.

O advogado Marcelo Henrique de Almeida, que representa a empresa Itererê, disse que precisa aguardar o auto de infração da Receita Federal para determinar as medidas jurídicas cabíveis.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 173 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal