Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

27/04/2011 - Gazeta de Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Americana tem prejuízo US$ 10 mil com namorado virtual inventado por mulher


Uma moradora de Los Angeles (EUA) está processando seu “falso amante” online – na verdade, uma mulher – após gastar US$ 10 mil com o relacionamento virtual, entre viagens e presentes. As informações são do “Daily Mail”.

Paula Bonhomme diz ter sido seduzida com mensagens e e-mails de um suposto bombeiro que ela conheceu em salas de bate-papo online em 2005. O homem na verdade era uma invenção de Janna St. James, uma mulher de meia idade moradora de Chicago.

Após iniciar o relacionamento online com o falso bombeiro, Paula trocou presentes com ele e até terminou seu casamento, com o intuito de morar com o “novo amor”. Eles se falavam por telefone todos os dias – Janna utilizava um aparelho para alterar sua voz e deixá-la parecida com a de um homem.

Depois de um ano de relacionamento, Paula ficou desolada ao saber que “Jesse Jubilee James”, nome dado ao personagem por Janna, havia morrido de câncer no fígado em 2006 e pedido que ninguém estivesse presente durante seus últimos dias de vida.

Amigos de Paula descobriram mais tarde a farsa. Após meses tentando instaurar um processo contra a falsária, a corte do Condado de Kane, onde mora Janna, aceitou a denúncia de falsidade ideológica.

Rede de personagens

Para montar a farsa, Janna criou vários personagens além do bombeiro, como um amigo argentino, Pavlo Quietao, uma esposa ciumenta chamada Krista e até mesmo Rhys, um filho desse casamento. A mulher enganada chegou a comprar um cachorro de presente para Rhys.

Paula soube da suposta morte do amante online por meio desses personagens imaginários. “Meu pai realmente morreu. Eu ainda choro todos os dias e você vai [chorar também]...”, disse o falso Rhys.

Janna então se aproximou de Paula, dizendo ser uma amiga do bombeiro. Viajaram para o Novo México para uma visita ao local onde o espírito do bombeiro “habitava”.

Numa visita à casa de Paula, amigos da vítima desconfiados de toda a situação confrontaram Janna, que admitiu a fraude. Eles gravaram um vídeo do momento e o publicaram no YouTube.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 234 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal