Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

28/04/2011 - A Crítica (Manaus) Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresária é presa em flagrante por estelionato

De acordo com a delegada titular do 1º.DIP, Lucimar Amorim, mais de 30 vítimas registraram boletim de ocorrência contra a acusada. Todas foram ouvidas na delegacia e confirmaram o envolvimento de Mara no esquema de estelionato.

Policiais civis do 1° Distrito Integrado de Policia (DIP) prenderam em flagrante, nesta quinta-feira (28), a empresária Mara do Rocio dos Santos, 28, na Avenida 7 de setembro, n° 815, altos da sapataria Shop do Pé, suspeita de praticar o crime de estelionato. Ela era proprietária da M R S Realizações Financeiras S/A, e aplicava o golpe do financiamento da casa própria.

A acusada colocava anúncio nos classificados dos jornais, de financiamento de imóveis, com a facilidade de uma entrada pequena, que variava entre R$ 3.600 a R$ 8 mil, de acordo com o valor financiado, com a promessa de um financiamento rápido sem burocracia. A vítima ia até a financeira, localizada na Av. 7 de setembro, n° 740, antigo Edifício Lobrás, Centro, para realizar o fechamento da transação, com o pagamento da entrada, feito em dinheiro diretamente para Mara, ou para outra pessoa indicada pela mesma.

Após o pagamento da entrada, a vítima era encaminhada pela acusada à Rua Costa Azevedo, Edifício Rio Madeira, oitavo andar, sala 805, Centro, para receber o carnê de pagamento das parcelas, que ficavam em torno de R$ 400. O contrato era reconhecido em cartório, na maioria dos contratos, no Oitavo Tabelião de Notas, na Rua Ruy Barbosa, Centro.

De acordo com a delegada titular do 1º.DIP, Lucimar Amorim, mais de 30 vítimas registraram boletim de ocorrência contra a acusada. Todas foram ouvidas na delegacia e confirmaram o envolvimento de Mara no esquema de estelionato. A prisão foi feita por uma equipe de investigadores, que se passaram por supostos clientes, se deslocando a Financeira, efetuando a prisão. No local se encontrava um coordenador pastoral, que já estava fechando o financiamento de um imóvel, o mesmo foi encaminhado ao 1º. DIP para registrar queixa.

A titular informou ainda, que aproximadamente 100 vítimas da acusada procuraram o Ministério Público, que moveu uma Ação Civil Pública, contra M R S Realizações Financeira S/A e J S M Administradora de Bens e Direitos, sendo acatada pela Juíza de Direito Etelvina Lobo Braga, da Vara de Processos, que determinou através de Liminar, que as financiadoras suspendessem todas as atividades, inclusive de publicar anúncios relativos a oferecimento dos seus serviços.

Mara foi presa em flagrante e responderá pelo crime de estelionato será encaminhada à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, no Centro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 243 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal