Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

12/04/2011 - Zero Hora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Participantes de suposto bolão da Mega Sena pedem bloqueio de prêmio pago a empresário

Por: Leandro Becker e José Luís Costa

Inquérito de suposta fraude em aposta de Fontoura Xavier foi entregue à Justiça.

Nove participantes de um bolão que reivindicam o prêmio de R$ 119 milhões da Mega Sena, pagos a um empresário de São José do Herval, no Vale do Taquari, querem que o dinheiro seja bloqueado pela Justiça.

Esperançosos com o resultado de um inquérito da Polícia Civil que apontou uma suposta fraude com o bilhete premiado, um grupo de funcionários da prefeitura de Fontoura Xavier, cidade onde foi feita a aposta, entregou ontem um documento à Justiça de Soledade (sede da comarca) solicitando providências para evitar que o empresário gaste os valores recebidos em outubro.

Até o prefeito de Fontoura Xavier, José Flávio Godoy da Rosa, entrou no caso em defesa dos servidores, operários da Secretaria de Obras do município da Região Norte:

— Estou convencido de que houve uma fraude. Esse dinheiro deve ser entregue aos verdadeiros donos.

No inquérito, foram indiciados o empresário, um empregado dele, o dono da lotérica onde foi feita a aposta milionária, um funcionário e um ex-secretário de Obras de Fontoura Xavier (esses dois faziam parte do bolão, mas teriam traído o grupo ao repassar o bilhete premiado ao empresário).

Os crimes apontados são estelionato, formação de quadrilha e falso testemunho. O delegado Heliomar Franco não divulgou os nomes dos envolvidos e não especificou os tipos de crimes atribuídos a cada suspeito, alegando que o inquérito estaria em segredo de justiça.

O inquérito da polícia foi entregue na segunda à Justiça. Conforme o promotor Vercilei Serena, que atua junto à Vara Criminal, é possível que na próxima semana ele se manifeste. A grande preocupação do grupo é que o dinheiro do prêmio se dilua rapidamente.

O empresário estaria gastando os milhões com a compra de uma mansão em um condomínio de luxo no Litoral, caminhonetes, promovendo festas e distribuindo presentes e cestas básicas, tentando angariar simpatia popular.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 312 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: Laudelino da Silva - 07/08/2011 21:15

Agora já foi esclarecido que não houve fraude no premio da mega sena. Mas o que ficou muuuito feio foi a armação que fizeram para tentar tirar o dinheiro do ganhador, caluniando pessoas inocentes... e pior é que o prefeito da cidade estava por traz da armação. Que vergonha!!!



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal