Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

29/03/2011 - V News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Religioso preso em Jacareí é acusado de fraude e estelionato

Ele é procurado pela Justiça do Rio Grande do Sul e estava em Jacareí.

José Rodrigues é conhecido como Padre Rodrigo. Ele teve a prisão decretada por fraudes e estelionato. Segundo a polícia, ele era procurado pela Justiça de Sobradinho, no Rio Grande do Sul, que expediu mandado de prisão.

Mas o suspeito estaria cometendo os mesmos crimes em Jacareí. Ele era um dos supostos padre da Igreja Apostólica Renovada, que se auto intitula "Católica Carismática Santuário dos Anjos".

A Polícia acredita que a igreja cobrava dos fiéis por milagres, curas e exorcismo. Até agora, as vítimas que denunciaram os crimes já teriam pago pelo menos R$ 40 mil a ele.

"Ele estava se aproveitando da simplicidade, da boa fé do povo para exigir vantagens", diz o delegado seccional de Jacareí, Roberto Martins.

O religioso não quis falar sobre as acusações. A igreja, no centro de Jacareí, continua de portas abertas. Segundo um funcionário, que não quis gravar entrevista, o responsável conhecido como Padre Miguel Arcanjo, não foi localizado por nossa reportagem. Ele também é investigado pela polícia pelo crime de estelionato.

O homem está preso na cadeia de Jacareí e está a disposição da Justiça do Rio Grande do Sul.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 912 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal