Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

29/03/2011 - Correio do Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presa quadrilha que falsificava documentos para vistos dos EUA

Os preços cobrados por documentos falsos variavam de R$ 5 mil a R$ 10 mil.

Policiais prenderam nesta terça-feira, em Criciúma, em Santa Catarina, uma quadrilha responsável por fornecer documentos falsos para pessoas interessadas na obtenção de vistos para os Estados Unidos. Segundo as investigações, mais de 70 pessoas usaram os serviços da quadrilha. Algumas destas pessoas, segundo a embaixada norte-americana no Brasil, vivem ilegalmente nos Estados Unidos.

Pelas investigações, o grupo formado por quatro homens – sob o comando do empresário José de Oliveira, conhecido como Zé – atuava desde 2005. A quadrilha fornecia documentos falsos para obtenção de vistos para os Estados Unidos e para o Canadá, assim como passaportes brasileiros e italianos falsos.

Os preços cobrados por documentos falsos variavam de R$ 5 mil a R$ 10 mil. Três dos quatro integrantes da quadrilha já tinham sido presos e condenados pelo mesmo crime em 2005.

As informações são do Consulado dos Estados Unidos em São Paulo. As investigações começaram com a apresentação de documentos falsos durante entrevista na Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e nos consulados.

A prisão da quadrilha foi coordenada por uma ação conjunta do Departamento de Combate à Fraude do Consulado dos Estados Unidos, da Polícia Civil de Criciúma e de São Paulo e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de Criciúma. Segundo as investigações, 36 prisões por fraudes na documentação foram efetuadas no ano passado.

A Embaixada dos Estados Unidos no Brasil pede que aqueles que tiverem informações que contribuam com as investigações sobre fraudes de documentos entrem em contato com o Departamento de Combate à Fraude do Consulado norte-americano – o telefone para contato é (11) 5186-7440.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 178 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal