Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

24/03/2011 - Jornal de Vinhedo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Acivi alerta sobre atuação de golpista em Vinhedo


Por meio de nota enviada pela Assessoria de Imprensa, a Associação Comercial e Industrial de Vinhedo, Acivi, divulgou, esta semana, para os comerciantes associados a presença de um golpista em Vinhedo, que se passa por “fiscal” conveniado à Prefeitura Municipal. Sob esse “disfarce” o cidadão extorquiu dinheiro de alguns estabelecimentos comerciais, que se sentiram coagidos com a pressão de supostas autuações abusivas que seriam feitas.

A ainda Acivi lembra os associados que os verdadeiros fiscais da Prefeitura não exigem nenhum tipo de dinheiro ou pagamento aos estabelecimentos visitados, fazendo apenas o trabalho de um fiscal que é autuar e/ou orientar sobre as possíveis irregularidades do local.

Outro golpe registrado, segundo informações da Assessoria de Imprensa, na última semana, dentro da cidade, também lesou diversos lojistas. Desta vez praticado por uma mulher, o golpe vinha através de cheques fraudados usados como forma de pagamento nas lojas.

De acordo com a descrição passada por algumas vítimas, a mulher é loira com cabelo de tamanho médio e ondulado, aparenta ter entre 35 e 40 anos de idade, e estatura de aproximadamente 1,60 m. Ela fez compras em diversas lojas da cidade e pagou com cheques fraudados em nome de outras pessoas, mas de CPF regularizado e válido, ou seja, mesmo o lojista fazendo a consulta para verificar a existência e a veracidade dessas informações a resposta é positiva, por que são dados reais.

Desta maneira, a Acivi orienta que os comerciantes se atentem para outras formas de cuidados com o recebimento de cheques, já que a consulta ao nome do consumidor é apenas um passo para a concessão do crédito. As consultas informam a situação do consultado, se está “limpo” na praça, mas não dizem se o cheque é fraudado, clonado ou adulterado.

Para evitar este tipo de situação a associação acredita que os comerciantes devem seguir as dicas de segurança no recebimento de cheques, muitas vezes já divulgadas em seus meios de comunicação, além de treinar os funcionários para que também estejam preparados.

Outra sugestão é aceitar apenas cheques de clientes cadastrados e trabalhar com fichais cadastrais fortes. E para todos os casos de recebimento de cheques é importante a conferência de dados com outros documentos, e principalmente a solicitação e comparação dos dados com o cartão do banco da pessoa, o que é mais complicado de ser fraudado.

A Acivi disponibiliza no site www.acivi.com.br dicas completas para o recebimento de cheques. Maiores informações podem ser obtidas através do telefone 3876-6300.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 171 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal