Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

18/03/2011 - Económico Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Notas falsas apreendidas em Portugal sobem para níveis recorde

Por: Sandra Almeida Simões

Em 2010, foram apreendidas quase 19 mil notas contrafeitas, o equivalente a um milhão de euros.

O título de maior falsificador de dinheiro na Europa ainda pertence a um português, Artur Alves dos Reis. A história remonta a 1925, ano em que conseguiu, com a colaboração de uma alargada equipa de "especialistas" cúmplices, falsificar uma ordem de impressão de dinheiro do Banco de Portugal e enviá-la para Inglaterra. Foram impressas 200 mil notas com o valor nominal de 500 escudos que, actualmente, corresponderiam a, pelo menos, 1,4 milhões de euros. A maior produção de dinheiro falso - totalmente verdadeiro - acabou por ser revelada nas páginas do "O Século".

Actualmente, o BdP disponibiliza, no âmbito da sua função de emissão monetária e regulação do sistema fiduciário, um programa de formação sobre o conhecimento das notas de euro. Será que, 85 anos depois da maior falsificação europeia, vários Alves dos Reis já aproveitaram para aprofundar conhecimentos, de forma gratuita, nessas acções de formação?

Com maior ou menor qualidade na falsificação, a verdade é que, em 2010, o banco central português apreendeu o maior número de notas contrafeitas em Portugal desde a introdução física do euro em Janeiro de 2002.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 150 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal