Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

17/03/2011 - Diário de Natal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF investiga se espanhol dono do bar Extravasa está em Natal

Por: Fernanda Zauli

Informação foi dada por agentes judiciários que foram ao local após reportagem do programa Fantástico.

A Polícia Federal está investigando a suspeita de que o espanhol Salvador da Costa Arostegui, dono do restaurante Extravasa, mostrado na reportagem do programa Fantástico do último domingo, esteja em Natal. De acordo com o juiz da vara da infância e juventude, José Dantas, o próprio Salvador teria recebido a equipe de agentes judiciários que foi ao local na tarde de terça-feira para autuar quem estivesse responsável pelo estabelecimento, devido à presença de crianças no local.

"Eu não estive lá, mas o coordenador da equipe me garantiu que o homem que os recebeu se identificou como Salvador Arostegui. No entanto, esse homem se negou a assinar o documento da autuação", informou o juiz. A informação contradiz o que havia sido divulgado pela assessoria de imprensa da Justiça Federal de que o espanhol estaria preso em Ibiza (Espanha).

Procurada pela equipe do Diário de Natal, a Polícia Federal do Rio Grande do Norte confirmou a existência do mandado de prisão contra oespanhol e afirmou, através de sua assessoria, que se ele estiver no Brasil certamente entrou no país de forma ilegal. "O nome dele consta no Sistema Nacional de Procurados e Impedidos (Sinpi), e se ele está no Brasil entrou com nome falso", afirmou a assessoria. O superintende da Polícia Federal do RN, Marcelo Mosele, tentou falar com policiais da Espanha, mas até o fechamento desta edição não havia obtido sucesso.

A Polícia Federal informou ainda que iria colocar o policial que trabalhou na Operação Cristal, em 2009 - e conhece o espanhol pessoalmente - em contato com o coordenador da equipe de agentes judiciários, para constatar se as carcaterísticas físicas descritas pelo agente conferem. O mandado de prisão contra o Salvador Arostegui foi exepedido após denúncia do Ministério Público Federal, através da qual 27 pessoas foram acusadas de narcotráfico e lavagem de dinheiro. De acordo com a denúncia, assinada pelos procuradores que integram o Núcleo de Combate à Corrupção do MPF/RN, o espanhol Salvador Arostegui é o líder de um grupo internacional de narcotraficantes e coordenador do tráfico internacional de drogas da América do Sul até a Espanha. Os ganhos obtidos com o narcotráfico eram "investidos" no Brasil, através de empresas como a Construtora Catalana, boate Azucar, restaurante Trópico e outros sete empreendimentos dirigidos direta ou indiretamente por Salvador, juntamente com os demais denunciados.

Mães

O fato do espanhol ter se negado a assinar o documento de autuação não atrapalha o andamento do processo. Segundo o juíz José Dantas, o processo continua tramitando à revelia. As mães das duas crianças flagradas dançando no retaurante do espanhol pela equipe do Fantástico já foram localizadas pela equipe técnica da 1ª Vara. As mães das meninas são dançarinas do estabelecimento e estão sendo atendidas pelas psicólogas e assistentes sociais da Vara da Infância, para que seja produzido um relatório sócio-familiar. De acordo com José Dantas, as mães poderão receber punição administrativa, com multa de 3 a20 salários mínimos, ou perder o poder familiar, o que levaria as crianças para adoção.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 688 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal