Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

10/03/2011 - Gazeta Digital Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Operação 'São Thomé': confira os mandados de prisão


A Justiça decretou a prisão de 17 pessoas na operação São Thomé, deflagrada na manhã de hoje pela Polícia Civil para combater crimes ambientais. Confira a relação:

1 – ANTONIO GUEDES FERREIRA: Tabelião de Peixoto de Azevedo, envolvido na falsificação de documentos para grilagem – falsos reconhecimentos da firma.

2 – RODRIGO LARA MOREIRA: Falsificação de documentos para grilagem de terras, usa de documentos falsos, corrupção – é testa de ferro da quadrilha.

3 – ROGÉRIO BEDIN E JACONDO BEDIN: Falsificação de documentos para grilagem de terras, denunciação caluniosa - é testa de ferro da quadrilha.

4 – ANTONIO PAULO DE OLIVEIRA (PACHOLA): Articulador e autor da grilagem de terras (esbulho), posse e porte de armas de fogo, crimes ambientais, sócio da Fazenda Moreira.

5 – GILMAR ALIBERTE: Comercialização de créditos florestais da Fazenda Moreira, grilagem de terras.

6 – LUIZ CARLOS DE MELO: Sócio na grilagem da Fazenda Moreira. Comercialização de créditos florestais.

7 – JOSÉ ALMIR DE MELO: grilagem de terra. Uso de documentos falsos na Sema, procurador da Fazenda Moreira perante a Sema. Comercialização de créditos florestais.

8 – JACKSON MONTEIRO DE MEDEIROS: Servidor da Sema, responsável pela fiscalização in locu que ratificou a fraude no PEF da Fazenda Moreira. Corrupção passiva – ele responde a Inquérito Policial por corrupção em Sinop. Respondeu a Processo Criminal por extorsão em Santo Antônio do Leverger. Foi preso na “Operação Guilhotina” no ano de 2007.

9 – ROSELAYNE LAURA DA SILVA OLIVEIRA: Servidora da Sema que aprovou a PEF fraudado no âmbito da Coordenadoria de Gestão Florestal, mesmo havendo vários indícios de fraude no Processo Administrativo. Suspeita de Corrupção Passiva.

10 – PÉRICLES PEREIRA SENA: Engenheiro Florestal responsável pelo PEF fraudado. Corrupção ativa. Crimes Ambientais

11 – JOÃO VERIANO DA SILVA: Principal agrimensor utilizado pela quadrilha. Falsificação de mapeamento de áreas visando à grilagem de terras.

12 – CLEYTON AGUIAR DE FIGUEIREDO: Foi utilizado pela quadrilha para confeccionar um mapeamento falso da área rural denominada Fazenda Arara (Fazenda Blaese), visando à abertura de procedimento junto ao Intermat.

13 – JOÃO RICARDO DE MATOS: Forneceu um mapeamento e descrição de perímetro falso para Rodrigo Lara Moreira.

14 – JOÃO BATISTA DA SILVA: testa de ferro da quadrilha, confecção de documentos para grilagem de terras.

15 – IDEVAN FERNANDES SAVI (BRITO): É responsável pela prática de crimes ambientais na Fazenda Presidente Nereu (extração ilegal de madeira e transporte para madeiras), área próxima a Fazenda Moreira, havendo a suspeita de que estava utilizando Guias Florestais da Fazenda Moreira para esquentar a madeira extraída ilegalmente.

16 – LEONEL MOREIRA: Falsificação de documentos. Forneceu seu nome a quadrilha, figurando como adquirente da Fazenda Moreira no contrato falso.

17 – ANTONIO FERNANDO ALVES DOS SANTOS: É advogado de vários membros da quadrilha. Praticou denunciação caluniosa da Delegacia Regional de Sinop. Já responde processo por extorsão e formação de quadrilha e corrupção.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 781 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal