Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

01/03/2011 - O Globo Online / Reuters Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-funcionário da Apple se declara culpado de fraude contra a empresa


SÃO FRANCISCO - Um ex-funcionário da Apple se declarou culpado de várias crimes após ter sido acusado de receber suborno de fornecedores asiáticos da empresa de Steve Jobs.

Paul Devine, que trabalhou na fabricante do iPhone como gerente global de suprimentos, foi acusado de usar seu cargo para passar informações confidenciais a fornecedores, ajudando-os a negociar contratos favoráveis com a Apple. Devine trabalhou na Apple de 2005 a 2010.

A Apple iniciou uma investigação interna no ano passado e encontrou uma série de e-mails trocados entre Devine e os fornecedores, de acordo com uma ação civil movida pela empresa contra Devine. Os promotores, em agosto, conseguiram 23 acusações contra o executivo.

Na segunda-feira, de acordo com a Procuradoria americana, Devine declarou-se culpado de fraude eletrônica, conspiração e lavagem de dinheiro em um tribunal federal de São Jose, na Califórnia. Ele também concordou em abrir mão de cerca de US$ 2,28 milhões em dinheiro e bens.

- Devine é um bom homem que cometeu um erro e agora tenta repará-lo - disse seu advogado, Raphael Goldman.

Um porta-voz da Procuradoria dos EUA, em São Francisco, recusou-se a dar mais sobre o caso.

A sentença do juiz está agendada para 6 de junho. Devine pode ter de cumprir até 20 anos de prisão.

A Apple não quis comentar a confissão de culpa. Quando abriu o processo contra Devine, a empresa afirmara ter "tolerância zero" para comportamentos desonestos.

A ação civil aguarda o resultado do processo criminal para prosseguir.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 154 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal