Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

26/02/2011 - Jornal Pequeno Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Detido suspeito de chefiar quadrilha de fraudadores de energia elétrica


Belson Wilame Cavalcante Vieira, 42 anos, natural de Imperatriz, foi preso na tarde de ontem, às 13h, no Pop Center, no Bairro da Cohab, por agentes do Departamento de Defesa dos Serviços Públicos Delegados (DDSD). Ele é acusado de chefiar uma quadrilha que furta energia elétrica (gato) em vários municípios do estado do Maranhão.

O acusado agia fraudando equipamentos de medição, ou seja, realizando os famosos “gatos”, fazendo com que parte da energia consumida pelo cliente não fosse contada pelos medidores, reduzindo assim, a conta de energia de quem contratou o serviço. Com Belson, a polícia apreendeu vários documentos falsos em nome de Nelson Willame Vieira, além de uma grande quantidade de ferramentas e equipamentos usados nas ações criminosas, inclusive uma chave clonada de selagem de lacre do medidor. Os objetos estavam escondidos no carro do suspeito.

Segundo o delegado Paulo Roberto Medeiros de Carvalho, titular do DDSD, Belson estava sendo monitorado pela polícia desde o ano passado, época em que o seu irmão e comparsa, Antônio Neto foi preso em Imperatriz, pelo mesmo crime. Contra o acusado havia ainda um mandado de prisão. “Com a prisão de Belson pretendemos chegar até os demais integrantes do bando, que vem agindo há vários anos no estado e causa grande prejuízo à Companhia Energética do Maranhão (Cemar)”, destacou o delegado.

O prejuízo gerado à empresa é de aproximadamente R$ 20 mil por mês. De acordo com a Cemar, os fraudadores furtam cerca de 11% da energia comprada da Eletronorte. E ainda, que a energia furtada, consumida e não faturada, representa uma perda anual de receita para o Estado do Maranhão de mais de R$ 40 milhões, recursos que poderiam ser revertidos em benefícios importantes e urgentes para a população nas áreas de saúde, educação e infraestrutura.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 303 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal