Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

17/02/2011 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Contra fraudes, governo da Índia lança o "super RG"

Por: Fabiano Maisonnave


O governo indiano deu início a um ambicioso programa para distribuir documentos pessoais de identidade com dados biométricos a todos os cerca de 1,2 bilhão de habitantes do país.

A ideia é que o novo registro evite fraudes e passe a ser usado para trâmites tão diferentes como consultas em hospitais e transferências bancárias.

Batizado de Cartão de Identificação Única (UID, na sigla em inglês), tem um número exclusivo de 12 dígitos, foto e armazena as digitais de todos os dedos e a íris, além de filiação, endereço e, opcionalmente, telefone e e-mail. Tudo está sendo guardado num banco de dados unificado.

Em teoria, ninguém está obrigado a fazer documento, mas o governo quer que a sua apresentação seja compulsória para participar de programas sociais, por exemplo.

A meta indiana é chegar a 600 milhões até 2014. Um objetivo difícil, tendo em conta que o número de UIDs, emitidos desde setembro, deve atingir apenas 2 milhões nos próximos dias -o equivalente a 0,16% da população.

Em comparação, o Brasil, que começou a implantar o RIC (Registro de Identidade Civil) de forma experimental neste ano, estabeleceu um prazo de nove anos para substituir o RG.

O governo afirma que o projeto beneficiará dezenas de milhões de indianos que ainda não têm documentos, facilitando procedimentos como a abertura de uma conta bancária, em que bastará apresentar o UID.

Outra vantagem seria o fim de práticas fraudulentas atuais, por meio do uso de documentos falsificados e da simplificação dos controles anticorrupção.

"O UID ajudará centenas de pessoas na Índia cujo orgulho foi ferido por tantos anos devido à falta de uma identidade. Isso será a sua fonte de reconhecimento de agora em diante", afirmou o premiê Manmohan Singh na época do lançamento.

Mas o projeto está recebendo críticas da oposição. Em audiência no Congresso nesta semana sobre o tema, parlamentares questionaram o fato de o UID não ser obrigatório. Afirmaram ainda que o esquema abre espaço para que imigrantes ilegais sejam automaticamente regularizados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 145 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal