Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

12/02/2011 - Diário de Canoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpista era um dos maiores estelionatários virtuais do País

Por: Marcos Jorge

Acusado foi detido no Centro de São Leopoldo por agentes da 2ª DP de Novo Hamburgo.

São Leopoldo - Policiais civis da 2.ª Delegacia de Polícia de Novo Hamburgo prenderam em flagrante um homem de 42 anos considerado um dos maiores estelionatários virtuais do País. Com o acusado foi encontrado, na manhã de ontem, por volta das 9 horas, na casa dele, no Centro de São Leopoldo, um arsenal de mídias piratas. Conforme o delegado Clóvis Nei da Silva, que comandou as investigações, Ivan Carlos Oviedo responde a pelo menos cinco inquéritos instaurados pela 2.ª DP e já teria aplicado golpes em internautas de São Paulo e Rio de Janeiro. No endereço dele, na Rua São Domingos, além da residência, funcionava um escritório onde eram confeccionadas as mídias. Mais de uma centena delas foram apreendidas, entre elas DVDs pornográficos, cópias de softwares originais e jogos e filmes, além de um computador, três discos rígidos, gravador de DVDs, câmera digital, e material para embalar as cópias que eram produzidas dentro da moradia dele.

COMO FUNCIONAVA O GOLPE

Ivan Oviedo utilizava sites de venda pela Internet prometendo entregar diversos produtos como eletrônicos e softwares

O golpe era aplicado mediante solicitação de pagamento antecipado e, posteriormente, os produtos não eram entregues

E quando a mercadoria chegava, a vítima recebia a encomenda pirateada. O serviço de entrega era terceirizado e às vezes feito pelos Correios

Para a venda dos produtos, o acusado usava o site www.megamaster.com.br onde disponibilizava a imagem de produtos como câmeras digitais, softwares, mídias e agilizava as transações comerciais

O endereço virtual foi retirado do ar após a sua prisão. Ontem à tarde já exibia a mensagem: "Aviso! Este site está desativado no momento. Por favor, entre em contato com o administrador."

Para aumentar a arrecadação, o acusado ainda anunciava os produtos em diversos veículos de imprensa.

Investigação durante quase seis meses

Foram quase seis meses de investigação até chegar ao paradeiro e à prisão do suposto golpista. De acordo com o delegado Clóvis Nei da Silva, foram necessárias escutas telefônicas e o auxílio de provedores para que fosse identificada a origem do IP usado pelo estelionatário e consequentemente o endereço residencial dele.

A investigação ganhou força depois que a delegacia recebeu um expediente da Polícia Federal, que informava que o golpista chegou a se passar por agente federal em suas transações. Segundo apurou a investigação policial, o acusado movimentava pelo menos cerca de 500 reais por dia com a venda dos produtos.

AUTUAÇÃO

O leopoldense foi indiciado por estelionato e violação de direitos autorais. Após ser ouvido na 2ª DP de Novo Hamburgo, seria conduzido ao sistema prisional. Os objetos apreendidos na casa dele foram remetidos à perícia

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 755 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal