Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/02/2011 - Portal Imprensa Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Jornalista britânico é condenado por fraude e desvio de dinheiro de editora


O jornalista britânico Lee Horton foi condenado a 15 meses de detenção por fraudar registros da editora Trinity Mirror para desviar 370 mil libras em pagamentos por reportagens que não existiram. Horton, que é ex-editor esportivo do tabloide The People - publicado pela editora -, era investigado pela empresa desde setembro de 2008.

De acordo com o portal Expresso da Notícia, a fraude começou em 2000 e só terminou em junho de 2008, dois meses antes de o jornalista ter sido suspenso. A Trinity Mirror realizou uma investigação interna para apurar "irregularidades financeiras", e em 2008 entrou com uma ação civil contra Horton, exigindo que ele reembolsasse 300 mil libras.

O restante do valor terá que ser pago após a venda da casa do ex-editor do The People. O jornalista teria criado 1.690 pedidos de pagamento para colabores do jornal - supostos freelancers -, nos valores de 150 e 390 libras, para que não pudessem gerar desconfiança ou passarem pelo aval de seu chefe. Além disso, Horton criou 12 contas diferentes para receber o dinheiro, dando autenticidade à fraude.

O profissional de imprensa alegou que o valor desviado da editora foi usado para doações à escola de sua filha, portadora de síndrome de Down, e, também, para "patrocinar" um torneio de golfe para seus colegas. A esposa de Horton teria confessado a falsificação da contabilidade da empresa e feito manobras para lavagem do dinheiro. O casal está em processo de divórcio.

A advogada de Horton, Tara McCarthy, declarou que seu cliente cometeu "um erro estúpido", e alegou que ele não se beneficiou com o crime. "E o que fez ele com o dinheiro? Ele não comprou um Ferrari. Ele perdeu tudo. A casa, a aposentadoria e até a esposa. E ele nunca mais vai poder trabalhar no setor que ele mais gosta, nem como jornaleiro ou como jornalista, porque ninguém mais do segmento jornalístico lhe dar emprego", disse.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 112 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal