Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/07/2007 - Gazeta de Limeira Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Hackers continuam atacando contas todo dia em Limeira


Trabalhar o mês inteiro para ter seu salário ou o dinheiro da poupança captados pelos hackers é revoltante. Os casos de invasão de contas bancárias ainda seguem freqüentes em Limeira. De acordo com informações do 1º Distrito Policial (DP), embora muitas pessoas deixam de oficializar a queixa, os Boletins de Ocorrência (BOs) são registrados diariamente.
O delegado João Batista Vasconcelos afirmou que sem controle sobre a segurança das contas bancárias, os hackers captam geralmente recursos que variam de R$ 300 a R$ 500. Mas há outras situações, em que todo dinheiro guardado durante anos acaba sendo perdido.
Os bancos têm conhecimento sobre os prejuízos que os hackers provocam aos usuários, por isso, após investigação, devolvem a quantia ao correntista. “Os bancos também tem seu modo de investigar e acaba devolvendo o dinheiro ao correntista pela comprovação de que houve falha em seu sistema de segurança”, declarou.
O delegado admitiu a dificuldade da Polícia Civil investigar esses casos e diz que geralmente, os ladrões estão fixados em outros Estados. Nenhuma quadrilha foi encontrada em Limeira, desde que esses casos começaram a aparecer no município, há cerca de três anos.
O golpe é praticado inicialmente pela rede mundial de computadores e comprova a fragilidade dos sistemas de segurança da internet.
Ao contrário da conduta comum de um hacker, este modelo de crime ainda é novidade, mas os moldes sobre a aplicação dele já foram descobertos.
Os bandidos somente resgatam os dados do cliente através da internet, e de alguma maneira realizam transações diretas nos caixas eletrônicos ou fazem a transferência do dinheiro a outra conta.
Nesse caso, os valores subtraídos podem ser maiores.
OS VALORES

A polícia esclarece que não são realizados grandes saques para que seja permitida a retirada nos terminais eletrônicos. Conforme rastreamento feito pela polícia de Limeira em 2005, os ladrões estão na capital paulista, Goiás, Sergipe entre outros Estados.
A sugestão do delegado é que os correntistas estejam atentos aos valores que constam nas respectivas contas e façam a análise periódica do extrato bancário. Já em caso de suspeitas, a primeira atitude é tirar um extrato e pedir ao gerente que faça a interpretação do mesmo, para que a fraude seja comprovada. (BL)

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 328 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal