Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

06/01/2011 - Comunidade News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fraude bancária leva mãe e filho para a prisão

Segundo a polícia, Sonia e Erivelton Fernandes eram os cabeças do esquema.

Dois brasileiros foram presos no dia 23 de dezembro último, acusadosde fraudar dois bancos em milhares de dólares. Sonia Maria Fernandes, 47, e o filho, Erivelton Fernandes, 28, foram presos em suas casas que ficam em Windsor (CT) e Manchester (CT), respectivamente.

Segundo o WestHartfordPatch, os brasileiros emitiam cheques para a Cleaning Services LLC. De acordo com a polícia, a empresa fechou no ano de 2005. Os cheques eram então depositados nas contas da Dias Cleaning e Nunes Cleaning. Sonia e Erivelton teriam se aproveitado da flexibilidade dos bancos para com comércios. Em alguns bancos, é possível sacar antes que o cheque esteja oficialmente compensado.

De acordo com a investigação, mãe e filho realizaram compras e sacaram dinheiro com um cartão de débito no período de 8 a 11 de outubro de 2010, feriado de Columbus Day. Segundo a polícia, o Bank of America sofreu uma fraude de mais de $100,000. Cerca de $8,000 foi a quantia perdida pelo Sovereign Bank. Muitos comerciantes da região ficaram prejudicados pelas compras realizadas com o cartão de débito. “Pelo menos três diferentes companhias de limpeza [estavam envolvidas] mas aparentemente pertenciam ao mesmo dono”, afirmou Andrew Wamester, detetive da polícia de West Hartford. Mais dois brasileiros estariam envolvidos.

Um dos acusados é José Florindo, 39, que teria embarcado para o Rio de Janeiro no dia 27 de outubro de 2010. O outro homem, ainda não identificado, teria ido dias depois. A polícia de West Hartford emitiu mandado de busca e apreensão para capturar Florindo, que é residente legal, e o outro acusado. Elemento número cinco Sonia Maria Fernandes, que é residente legal, compareceu à Corte Superior de Hartford na segunda-feira (3). Ela está presa sob a fiança de $400,000. Erivelton, que não tem documentos legais no país, ainda não tem data para comparecer à corte.

Cada um deles foi acusado de utilização fraudulenta de cartão, furto em primeiro grau e apropriação indébita em segundo grau. Segundo Wamester, as companhias de limpeza ofereceram serviços por um determinado tempo.

A investigação de aproximadamente dois meses contou com o apoio das unidades de fraude dos bancos. De acordo com o detetive, os cabeças do esquema são Sonia, Erivelton, Florindo
e o homem não identificado. “Mas o Brasil não extradita, infelizmente”, disse Wamester. Ainda de acordo com ele, uma quinta pessoa ainda não identificada estaria também no esquema.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 448 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal