Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/07/2007 - O Globo Online / Diário de S.P. Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpista vende diploma de curso superior pela internet

Por: Luis Kawaguti


SÃO PAULO - Falsários estão usando a internet para aplicar um novo golpe: anunciam a venda ilegal de diplomas universitários e de ensino médio por e-mail, recebem o dinheiro das vítimas e não enviam os documentos - que não existem. O Departamento de Investigações Sobre o Crime Organizado (Deic) já investiga o caso e espera autorização judicial para rastrear os computadores que fazem as ofertas.

As mensagens dos estelionatários, em geral, chegam por e-mail ou em fóruns de discussão na internet. No título, o chamariz: “Diploma Universitário em apenas 15 dias”. O texto ainda anuncia que a “empresa” trabalha com faculdades de todo o Brasil, e promete sigilo absoluto. O e-mail oferece ainda diplomas nos cursos de Direito, Engenharia, Administração, Veterinária, Agronomia, Turismo, Ciências da Computação, Jornalismo e Letras.

Em outro caso, um falsário escreve uma mensagem em um fórum de discussão prometendo “diplomas de qualquer tipo da USP” e também certificado de conclusão de ensino médio supostamente reconhecido pelo Ministério da Educação e histórico escolar.

Interessado no esquema fabuloso, o “cliente” do estelionatário negocia um preço que geralmente é parcelado. Toda a conversa é feita por e-mail ou por um telefone de difícil localização pela polícia. Segundo o delegado Fábio Pinheiro Lopes, titular da Delegacia de Estelionatos do Deic, a vítima então deposita parte do valor combinado na conta de um laranja. Porém, o documento prometido jamais chega e o estelionatário cria um novo e-mail para aplicar mais golpes.

A conta do laranja dificilmente é rastreada.

- A nossa maior dificuldade é que ninguém procura a polícia, porque comprar diploma também é crime. A nossa investigação começou a partir de uma denúncia anônima - afirmou Lopes.

O delegado informa que fez um ofício à Justiça pedindo autorização para rastrear o “IP” - um tipo de endereço eletrônico - dos computadores dos estelionatários. Contudo, o trabalho foi dificultado porque algumas páginas de internet que os criminosos utilizaram foram retiradas do ar.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 326 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal