Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

30/11/2010 - Diário Catarinense Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Descoberta quadrilha de golpistas


Cinco mandados de prisão preventiva foram expedidos contra integrantes de uma quadrilha que pratica golpes em empresários de seis Estados. Ao menos 15 empresas de Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Goiás e Bahia perderam entre R$ 30 mil e R$ 188 mil.

A quadrilha era formada por pessoas com conhecimento de mercado financeiro. Genilton Vieira de Andrade, 32 anos, foi preso no dia 16 de novembro, em Caçador, e foi levado ao Presídio Regional de Concórdia. Estão foragidos o líder João Djalma Prestes Júnior, que se identifica como “João Júnior”, Edson de Almeida, Vilson Liedmann e Maria Rosa Braga. Os integrantes da quadrilha residem em Curitiba e São Paulo.

O levantamento parcial do Ministério Público (MPSC) sobre o caso mostra que, até o momento, os criminosos arrecadaram mais de R$ 1 milhão com a fraude, e já teriam negociado outros R$ 2 milhões com diversas empresas. O trabalho foi batizado de “Golpe das debêntures”.

O grupo agia oferecendo assessoria para intermediar fundos de pensão a empresas com potencial de crescimento. O preço para a suposta representação no mercado financeiro, prometioa pelos bandidos, seria algum tipo de garantia, como imóveis, fiança bancária, aval ou aquisição de títulos de créditos representativo de empréstimo, conhecido como debênture. Só que as ações nunca existiram.

Os bandidos serão enquadrados em formação de quadrilha, estelionato, falsidade documental e lavagem de dinheiro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 887 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal