Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

09/11/2010 - Oeste Goiano Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Três jovens iporaenses respondem inquérito por dinheiro falso


Marcos Antônio Oliveira da Costa, 18 anos; Gustavo Henrique Silva Ferreira, 19 anos e Bruno Mendes de Jesus, 18 anos, compareceram à Delegacia de Polícia de Iporá no dia de ontem, 8, para os primeiros depoimentos de um inquérito já instaurado, que apura responsabilidades sobre o aparecimento na cidade de 395 reais em notas falsas de 5, 10 e 50 reais.

Trata-se de uma falsificação grosseira feita em impressão de papel A4 Salmom. O fato eclodiu na noite de sexta-feira passada, 5, quando um dos rapazes foi até um dono de pit dog pagar uma conta com 40 reais em notas falsas. O comerciante, filho de um policial, desconfiou da precária qualidade do papel das cédulas e nesta segunda-feira, 8, procurou a Delegacia de Polícia.

Chamados para depor os três rapazes foram contraditórios nos depoimentos. Uma das versões mais repetidas é de que Marcos Antônio Oliveira da Costa seria o autor das cédulas e que teria repassado para Gustavo Henrique e que por sua vez passou para Bruno Mendes de Jesus, o qual tentaria começar a passar as cédulas para o comércio local.

Computador e pen drive da autoria do crime foram apreendidos pela Polícia Civil. Nestes arquivos de computador com os nomes de O Diabo Veste de Vermelho, Comando Vermelho, Satanás e Essa é Boa, serviam para guardar as artes das notas de 5, 10 e 50 reais.

O inquérito da Polícia vai apurar o grau de envolvimento de cada um dos rapazes no episódio de notas falsas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 146 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal