Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

22/10/2010 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Clonadores de cartões vão em cana


A Delegacia de Repreensão a Crimes Tecnológicos, através da delegada Beatriz Silveira, vem trabalhando para desmontar uma rede criminosa que atua em vários Estados da federação roubando e falsificando documentos públicos e particulares, onde cada elemento é responsável por uma função. A atividade tem rendido milhões de reais para a rede criminosa.

A operação “Cybercard” é uma alusão a um sistema desenvolvido especialmente para permitir o controle sobre a utilização de computadores disponibilizados ao público através de cartões pré-pagos. Com esta operação, a delegada Beatriz vem conseguindo, ao longo de 30 dias, desmontar braços desta quadrilha que tem dado prejuízos financeiros a instituições e pessoas que utilizam no seu dia a dia cartões de crédito.

Na ação ocorrida na madrugada de ontem, foram presos Williams da Cruz Leite, de 36 anos, que para a Polícia Civil seria o líder da quadrilha; Elber Pires Malato, 26, conhecido como “Caio”; e Juariz Pereira Martins, o “Yurizinho”.

As prisões foram determinadas depois de uma longa investigação que culminou há 20 dias com a prisão de Edgar Mendes Libório e Wanderson Silva. Eles foram soltos recentemente mediante um habeas corpus concedido pela Justiça.

Com os três presos de ontem, a Polícia Civil encontrou dezenas de cartões de crédito em nome de várias pessoas, carteiras de identidade em branco e documentos falsos.

Segundo a delegada Beatriz Silveira, o esquema funcionava da seguinte maneira: certamente com apoio de alguém dos Correios, eles conseguiam os cartões que seriam entregues aos clientes e, de posse das informações, conseguiam identidades falsas e assim compravam no comércio e pela internet. Depois revendiam os produtos por até 60% do valor.

A quadrilha era tão audaciosa que Juariz Pereira Martins chegou a solicitar vários cartões de crédito e, após estourar o limite em compras, recorria à polícia para informar que teria tido os cartões roubados e se livrar das faturas em seu nome.

Os presos na operação “Cybercard” já se preparavam para viajar para o Ceará e Maranhão, onde passavam os finais de semana em hotéis caros.

Interrogados, eles confessaram que em média cada cartão de crédito conseguido rendia R$ 1 mil para a quadrilha. Estima-se que mais de 200 pessoas foram vítimas dos diversos golpes aplicados pela quadrilha.

A delegada que cuida do caso pede que as pessoas jamais forneçam por telefone qualquer tipo de informação pessoal. E quem perdeu documentos, que faça imediatamente o registro na Polícia Civil para evitar que os documentos roubados ou extraviados caiam nas mãos de estelionatários.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 298 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: José Carlos Rodrigues Souza - 25/10/2010 20:38

meus parabéns para os policiais e que o governo veícule em horário nobre na televisão, enfatizando como eles enfatizar quando querem que voce vote em um deles, que use os horários políticos para esclarecer a população desavisada todos os tipos de golpes.


Autor e data do comentário: Antônio Carlos - 23/10/2010 19:48

Que bom que a Polícia Civil está combatendo este tipo de crime que vem favorecendo alguns bandidos em detrimento de outros desavisados.



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal