Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

13/06/2007 - pe360graus Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia prende donos de construtora acusada de aplicar golpe no Recife


A polícia do Maranhão prendeu, nesta quarta-feira (13), os donos da Construtora Almeida Vasconcelos, acusados de aplicar um golpe em 17 famílias do Recife. De acordo com polícia de Pernambuco, Expedito Fernandes de Almeida Filho e Lara Garcia Alencar Almeida vendeu apartamentos num prédio que nunca entregou no bairro das Graças. Os dois devem ser trazidos ao Recife até o fim da semana.

Além de fugir com o dinheiro das vítimas, a delegada que investigava o caso, Nelly Queiroz, explicou que a empresa cometeu uma série de irregularidades. Documentos apontam que a Construtora Almeida Vasconcelos não fez o registro do memorial de incorporação e nem a instituição de condomínio, que são exigidos para fazer a venda de imóveis.

No local onde o Edifício Vitória Garden deveria ser erguido foi construído um escritório de vendas da própria empresa. Os vendedores garantiam que o imóvel estaria pronto até 2004, mas até hoje os 17 compradores estão no prejuízo. No local, ficou apenas o esqueleto do prédio.

O inquérito policial tem cerca de 600 páginas, onde mostra as irregularidades praticadas por Expedito Fernandes de Almeida Filho e Lara Garcia Alencar Almeida. De acordo com a delegada Nelly Queiroz, a justiça concedeu na sexta-feira (08), o pedido de prisão preventiva para os dois, mas eles só foram encontrados nesta quarta-feira com a ajuda do Departamento de Inteligência da Polícia Civil do Maranhão.

"Nós indiciamos os responsáveis pela empresa por crime de estelionato, crime contra a economia popular - previsto na lei de incorporações imobiliárias, e crime contra as relações de consumo", destacou.

O prédio teria 20 andares no bairro das Graças, mas as obras foram paralisadas há três anos. Líbano Ribeiro foi um dos compradores lesado pela construtora e diz que o prejuízo da família é superior a R$ 100 mil. "Nós pagamos o sinal e demos um aparamento no valor atual de R$ 50 mil. Pagamos ainda 33 parcelas que atualizadas hoje somam 80 mil."

A família da estudante Betânia Lucena Borges foi quem repassou o terreno para a construtora. Eles receberiam 12 apartamentos quando a obra fosse finalizada. "A família está desamparada. Minha avó mora num apartamento aqui ao lado e todo dia ela olha o apartamento e não vê esse prédio crescendo. Era uma herança que a gente perdeu. É um momento muito difícil e constrangedor. Não só para nós como os outros que compraram também. Isso nos causa um desapontamento", lamenta.

No mercado de imóveis no Recife são vendidas, em média, 2,4 mil unidades por ano e em 2007 as vendas aumentaram 10% em relação ao ano passado. O presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Pernambuco (Ademi-PE), Eduardo Carvalho, explica que é preciso ter muita cautela na hora de fechar o negócio com as construtoras.

"O comprado deve se preocupar muito com o histórico e o currículo da construtora e exigir a documentação legal. Que o principal seria o memorial de incorporação, que é um dossiê onde consta toda a legalização do empreendimento e todas as suas licenças, como também a parte legal em relação a construtora", alerta.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 2637 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal