Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

19/10/2010 - Jornale Curitiba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresários são presos por fraudes em transporte escolar

Eles são acusados de desvio de dinheiro público.

Dois empresários foram presos na última segunda-feira (18) acusados de desvio de dinheiro público feito por meio de fraude em licitações envolvendo transporte escolar dos municípios de Rio Branco do Sul e Itaperuçu, na região metropolitana de Curitiba. Os dois empresários, que seriam pai e filho, não tiveram os nomes divulgados. Também foram cumpridos dois mandados de prisão temporária, contra proprietários das empresas envolvidas. A operação foi batizada de “Caminho Certo”.

Segundo investigações do Ministério Público do Paraná, as prefeituras de Rio Branco do Sul e Itaperuçu contrataram as empresas Nenetur Transportes Ltda e Ntur Transportes Ltda para prestarem o serviço público de transporte escolar dos alunos daqueles municípios. As empresas contratadas, no entanto, não possuem veículos suficientes e “terceirizam” a prestação do serviço para determinadas pessoas, sem qualquer critério de remuneração.

“Há um verdadeiro “loteamento” das linhas de transporte escolar entre os “apadrinhados” dos Executivos e Legislativos municipais, fazendo com que boa parte do erário destinado ao transporte escolar tenha o destino da satisfação de alguns interesses privados”, afirma o promotor substituto Ivan Barbosa Mendes, de Rio Branco do Sul.

A pedido do Ministério Público, o Poder Judiciário determinou ainda a quebra dos sigilos bancários dos envolvidos. Além dos empresários, estariam envolvidos no esquema, direta ou indiretamente, secretários municipais, vereadores, financiadores de campanhas políticas e respectivos parentes.

A investigação começou após uma denúncia anônima feita à Promotoria de Justiça de Rio Branco do Sul. Com a notícia, vieram alguns documentos que comprovariam irregularidades na contratação e execução do serviço de transporte escolar nos municípios de Rio Branco do Sul e Itaperuçu.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 176 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal