Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

19/10/2010 - Jornal da Cidade de Bauru Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Preso em Ibitinga lavador de carro que desviou R$ 30 mil em golpe


Ibitinga – O lavador de carro A.S.S., de 36 anos, foi preso ontem pela Polícia de Ibitinga (90 quilômetros de Bauru) acusado de fraudar nota fiscal de moradores do Estado de Alagoas e desviar cerca de R$ 33 mil. Em sua residência também foi encontrado CD, DVD e material de pedofilia.

Ele vai responder por crime de estelionato, violação de direitos autorais e pedofilia, mas os policiais descobriram que A.S.S. (nome completo não foi divulgado) mantinha dentro de sua casa, material relativo a pornografia infantil. O lavador ainda será investigado por falsificar CDs e DVDs de músicas e filmes.

No Estado de São Paulo havia o mesmo tipo de golpe em mais cinco cidades, dos quais Botucatu.

O lavador tinha acesso a informações pessoais de moradores de cidades de Alagoas e, com base nestes nomes e CPFs, se cadastrou no site da Secretaria da Fazenda de lá.

Segundo a polícia apurou, pelo menos três contas bancárias (dele, da mulher e da sogra) foram descritas para retirar a restituição dos verdadeiros donos que indicavam seus dados pessoais durante as compras. O modelo é idêntico ao da nota fiscal paulista.

A investigação foi feita por policiais de Alagoas. O mandado de prisão temporária por cinco dias foi cumprido ontem pela Polícia Civil de Ibitinga.

O lavador de carros conseguiu sacar por meios fraudulentos R$ 6 mil na conta dele, R$ 18 mil na da mulher e mais R$ 9 mil na conta da sogra.

A mulher dele, K.I.H, 24 anos, foi presa, mas disse que não sabia das fraudes. “Ele usou a conta da mulher para recebimento do PIS. Pela reação dela, realmente não sabia”, declarou o delegado Carlos Ocon de Oliveira, de Ibitinga, que acredita na liberação dela nos próximos dias.

Ainda será apurado há quanto tempo o esquema funcionava e quantas pessoas foram lesadas. A polícia encontrou mais de 600 mídias, entre CDs e DVDs piratas.

Após confessar a autoria das fraudes e negar envolvimento da mulher, ele foi para a Cadeia Pública de Rincão, mas deverá ser transferido para a Penitenciária de Serra Azul. No depoimento, A.A.S. afirmou que aprendeu a dar os golpes vendo no site YouTube.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 481 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal