Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

13/10/2010 - A Bola Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dois em cada três cibernautas já foram vítimas de cibercrime


Um estudo envolvendo mais de sete mil pessoas de vários países, incluindo Portugal, revela que dois em cada três utilizadores da Internet (65 por cento) já foram vítimas de cibercrime. Os delitos são, contudo, poucas vezes comunicados às autoridades.

Fraudes online de cartões de crédito, vírus informáticos e roubo de identidade são alguns dos mais frequentes, segundo o «Relatório Norton de Cibercrime: o impacto humano», apresentado esta quarta-feira em Lisboa, que a Renascença cita.

Os chineses são as principais vítimas (83 por cento). Os brasileiros e os indianos seguem-se (ambos com 76 por cento). Os norte-americanos estão em quarto. Apenas 3 por cento dos inquiridos acredita que nunca serão vítimas de cibercrime.

A esmagadora maioria (oito em cada dez inquiridos), no entanto, não acredita que os prevaricadores sejam alguma vez levados à Justiça. Assim, menos de metade (44 por cento) dos crimes foram comunicados às autoridades. O estudo revela ainda que, em média, um crime desta natureza demora 28 dias para resolver.

«Praticamente, metade dos inquiridos pensa que é legal descarregar uma única faixa de música, um álbum ou um filme sem pagar. Vinte e quatro por cento acreditam ser legal ou perfeitamente inocente visualizar secretamente os e-mails ou histórico de navegação de outra pessoa», acrescenta o relatório, ainda citado pela mesma rádio.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 144 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal