Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

09/10/2010 - Diário de Cuiabá Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dois são flagrados com ‘chupa-cabra’

Por: Adilson Rosa

Equipamento para capturar senha de usuários do Sicred, no Centro, foi localizado no momento em que era retirado. Acusados vieram do DF para cá.

Policiais da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) desarticularam mais um esquema de furto de senhas de cartões eletrônicos que estava instalado num caixa de auto-atendimento do Sicred. Dois estelionatários foram presos pelo crime, depois de flagrados retirando o equipamento – conhecido como “chupa-cabra”, uma espécie de capa no leitor de cartões associada ao celular com câmera para gravar a digitação da senha – do terminal.

Foram presos os estelionatários Uziel Moura da Silva, de 33 anos, e Antônio Cláudio Vieira Lira, de 36. A prisão ocorreu anteontem, por volta das 18 horas, na agência do Sicred da rua Barão de Melgaço, no Centro da Capital.

Segundo os policiais, a dupla veio de avião no início da semana de Brasília (DF) - eles residem na cidade satélite de Ceilândia. Os golpistas estavam hospedados num hotel próximo da agência e explicaram que, na parte da manhã, colocaram o equipamento que ficou ligado o dia todo. No início da noite, iriam retirar.

“Tanto para instalar como a retirada é rapidinho. Em seguida, colocamos a câmera com celular num computador que captura a senha gravada. Em seguida, cruzamos com números e códigos dos cartões também capturados”, explicou Antônio Cláudio, que já havia sido preso recentemente em Aracaju (SE), pelo mesmo crime.

O acusado informou que a próxima etapa seria acrescentar mais um equipamento que iria juntar o número dos cartões com a senha para ser gravado num cartão clonado. A partir daí, iriam fazer saques longe de Cuiabá.

O equipamento impressionou os policiais, uma vez que o orifício, do tamanho da cabeça de uma agulha, era imperceptível para os clientes da cooperativa de crédito. “Mesmo assim, os bandidos instalaram o equipamento no caixa preferencial para idosos, gestantes e cadeirantes”, observou o policial Fernando Bezerra.

O plano dos golpistas seria ficar até ontem em Cuiabá instalando o equipamento em outros caixas do Sicred espalhados pela região. No sábado, retornariam de avião para Brasília, levando as senhas capturadas. Eles disseram aos policiais que conseguiram o endereço das agências através da internet.

Apesar da prisão em flagrante, a dupla deverá ficar pouco tempo presa porque praticaram o crime de estelionato, considerado de menor poder ofensivo. “Não existe crime eletrônico ou cibernético no Código Penal. Eles utilizaram um meio eletrônico para praticar um crime, no caso estelionato”, explicou o delegado Luciano Inácio, titular do GCCO.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 176 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal