Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/10/2010 - Expresso MT Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presa em Cuiabá dupla especializada em clonagem de cartões

Por: Fernanda Loydi

Os presos estavam na Capital há três dias coletando informações para concluírem a ação, contudo foram presos antes de terminarem o 'serviço'.

Uma dupla especializada em clonagem de senhas e cartões foi presa em flagrante por policiais civis do Grupo de Combate ao Crime Organizado (GCCO) no fim da tarde de ontem (07) em uma agência do Banco Sicredi, da Avenida Barão de Melgaço. Ambos responderão por tentativa de estelionato.

Uziel Moura da Silva, 33 e Antonio Claúdio Vieira Lira, 36 foram detidos enquanto retiravam as informações colhidas ao longo do dia. Pela manhã eles colocavam equipamentos nos caixas para filmar as senhas e ‘ler’ os dados dos cartões e no fim da tarde retiravam os mesmos. Todo o processo era feito em segundos e era imperceptível às pessoas.

Ambos são da cidade satélite Ceilândia, no Distrito Federal, e estavam em Cuiabá há três dias, hospedados em um hotel da avenida Barão de Melgaço. Com a dupla, que é especializada em capturar informações de clientes de caixas eletrônicos, foram apreendidas uma réplica de um leitor de cartão (denominado ‘boca’, também conhecido por chupa-cabra, idêntico ao instalado no caixa eletrônico) dois celulares com câmeras acopladas a um pedaço de metal semelhante à lataria do caixa e utilizado para filmar o cliente digitando a senha, outros celulares, baterias e um notebook usado para descarregar as informações.

Para filmar as senhas, na placa acoplada ao celular foi feito um micro orifício por onde as imagens eram capturadas. Depois era só descarregar as imagens no computador e utilizar as informações para retirar dinheiro e outras transações com cartões de crédito.

Antonio Claúdio disse à polícia que eles estavam apenas capturando as informações, e ainda teriam que adquirir outro equipamento denominado “régua” para gravar a numeração dos cartões e assim finalizar a clonagem. Esta não é a primeira vez que ele é detido por este crime: Claúdio foi solto de uma penitenciária de Sergipe em março de 2009.

Segundo o delegado Luciano Inácio os presos vão responder por tentativa de estelionato. “Que induz as pessoas ao erro para depois levar vantagem financeira”, disse. Segundo o chefe de operações do GCCO, Fernando Bezerra, as investigações estavam sendo realizadas na região há uma semana.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 174 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal