Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

25/09/2010 - O Diário de Teresópolis Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Mais um caso de estelionato envolvendo dono de agência

Caso envolve a compra de um Fiat Siena ano 09/10 dado em contrato de alienação fiduciária com um banco.

Mais uma vez uma pessoa que disse ter sido lesada pelo dono de uma agência que está preso procurou a delegacia para registrar caso de estelionato. Um tradutor de 59 anos, morador do bairro do Recanto dos Artistas, esteve na 110ª DP para registrar caso de estelionato contra Eduardo Leal, após negociar um veículo com o mesmo. De acordo com o que está sendo apurado, a vítima havia comprado um Fiat Siena ano 09/10 dado em contrato de alienação fiduciária com um banco, proprietário do bem. Segundo informou a vítima, efetuou o pagamento parcialmente do contrato, restando apenas algumas prestações. Acontece que em novembro do ano passado, vendeu seu veículo para Eduardo pela quantia de R$ 36 mil, referente ao restante das parcelas. Foi acordado entre as partes, que o pagamento seria que Eduardo quitasse o restante do contrato, que seria o valor do carro. Na data de 16 de dezembro, o acusado conseguiu quitar o veículo junto ao banco, através de um cheque, fato confirmado pelo banco, por este motivo, liberou a transferência para um terceiro comprador. Acontece que no dia 19 de dezembro, o tradutor recebeu uma ligação do banco, cobrando algumas prestações vencidas referente ao carro, comunicando que o cheque que Eduardo teria emitido estaria sem fundos. Ao procurar o acusado no inicio do ano, o mesmo informou que teve um problema em tal transação com o banco, mas que iria lhe pagar os valores restantes, onde foi emitido um cheque em nome de um homem morador do bairro da Siméria na cidade de Petrópolis, sendo que o cheque também não foi pago pelo banco, ficando assim com todo o prejuízo. Logo após o ocorrido, segundo o relato, a vítima tentou entrar em contato com o comerciante, mas não conseguiu mesmo após várias tentativas. Depois de saber que o acusado está detido na delegacia com várias acusações, compareceu a 110ª DP para também registrar contra o comerciante.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 164 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal