Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

17/09/2010 - Portal Vitrine Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem suspeito de desviar cargas em Passo Fundo é preso em Santa Catarina

Por: Acácio Silva


Um homem suspeito de desviar cargas de empresas cerealistas e cooperativas da região de Passo Fundo, norte do Estado, foi preso na quinta-feira por agentes da Delegacia de Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec). A prisão do estelionatário César Augusto Cirolini, o Alemão, 43 anos, ocorreu em Chapecó, Santa Catarina. O titular da Defrec, delegado Adroaldo Schenkel, revelou que Cirolini era investigado desde dezembro do ano passado.

Cirolini é suspeito de comandar o desvio de 43 cargas no município gaúcho. O delegado Schenkel disse que o esquema era muito bem preparado pelo estelionatário, que aliciava motoristas de transportadoras e agricultores, para o desvio de cargas de soja destinadas ao porto de Rio Grande. Segundo o delegado, depois do aliciamento, ele comprava notas fiscais de produtores rurais e as cargas eram repassadas para outras empresas. Conforme Schenkel, a nota fiscal dava aparência de legalidade ao negócio fraudulento.

Cirolini pagava, em média R$ 2,5 mil pela nota dos produtores. Os motoristas recebiam de R$ 1 mil a R$ 7 mil para levar o frete cheio até o porto de Rio Grande. O grosso do lucro de cada carga, em torno de R$ 40 mil, ficava com o estelionatário. O delegado Adroaldo Schenkel revelou que só no inquérito da Defrec foram apurados o desvio de 43 cargas, mas existem outras ações idênticas em Chapecó, Sarandi e Marau.

Schenkel contou que houve um caso absurdo em que a carga foi carregada numa cooperativa e desviada para outra unidade da mesma empresa, distante apenas 30 quilômetros da sede. "César Augusto Cirolini já esteve preso e tem uma extensa ficha de antecedentes, especialmente por estelionato", disse o delegado

O Cirolini está recolhido no Presídio Regional de Passo Fundo com prisão preventiva decretada pela Justiça. Além dele, oito agricultores e sete motoristas da região, que estariam envolvidos no esquema, estão sendo indiciados pelo delegado Adroaldo Schenkel por furto qualificado, falsidade ideológica e formação de quadrilha. O delegado revelou que o estelionatário ostentava um grande poder econômico em Chapecó, onde reside com a mulher e filhas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 190 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal